Portugal regista mais 4.320 casos confirmados por Covid-19 e 87 mortes

O boletim da DGS indica ainda que, até às 00h00 de hoje, foram registados mais 3.309 casos recuperados em relação à véspera, totalizando 287.028 pessoas livres de Covid-19.

Rafael Marchante/Reuters

Nas últimas 24 horas, a Direção-Geral de Saúde (DGS) registou mais 4.320 casos confirmados por Covid-19 em Portugal, elevando para 362,616 o número total de diagnósticos positivos desde o inicio da pandemia.

Segundo o boletim epidemiológico divulgado esta sexta-feira, o número de mortes ascende para 5,902 depois de terem sido confirmados mais 87 óbitos: 40 no Norte, 15 no Centro, 28 em Lisboa e Vale do Tejo (LVT), três no Alentejo e uma na Madeira.

O boletim da DGS indica ainda que, até às 00h00 de hoje, foram registados mais 3.309 casos recuperados em relação à véspera, totalizando 287.028 pessoas livres de Covid-19. Quanto ao número de casos ativos, o órgão de saúde pública regista 69.686 casos ativos, mais 924 comparativamente a esta quarta-feira, sendo que 76.451 pessoas continuam em vigilância (mais 2.161 comparativamente a ontem).

O órgão liderado por Graça Freitas informa ainda que foram registadas mais oito pessoas em Unidades de Cuidados Intensivos (UCI), elevando para 494 o número total de pessoas nessas unidades. Quanto ao número de internamentos, a DGS regista menos 39, totalizando 3,142 doentes em enfermaria.

A região de Norte regista hoje o maior número de casos confirmados, tendo sido registado, nas últimas 24 horas, mais 1.992 novas infeções (um total de 189.057), seguindo-lhe a região de Lisboa e Vale do Tejo que contabilizou mais 1.288 casos confirmados (117.216).

A região do Centro soma mais 731 novos casos (38,878), enquanto que o Alentejo regista mais 169 (8,411) e o Algarve mais 73 (6,391).

Quanto aos óbitos, do total das 5,902 mortes, 2.799 registam-se no Norte, 823 no Centro, 2.035 em Lisboa e Vale do Tejo, 156 no Alentejo, 62 no Algarve, 20 nos Açores e sete na Madeira.

Atualmente existem 162.966 homens, 199.518 mulheres e 132 “desconhecidos” infetados pelo novo coronavírus. Em termos de óbitos, a DGS conta 3,076 homens e 28,26 mulheres.

Notícia atualizada às 14:54

Recomendadas

Covid-19: China anula várias medidas de prevenção e sinaliza fim da estratégia ‘zero casos’ (com áudio)

O Conselho de Estado (Executivo) anunciou que quem testar positivo para o vírus pode, a partir de agora, cumprir isolamento em casa, em vez de ser enviado para instalações designadas, muitas vezes em condições degradantes.

Covid-19: Pandemia provocou mais 300 mil mortes na UE do que as oficiais, diz OCDE

“No final de outubro de 2022, mais de 1,1 milhões de mortes de covid-19 foram reportadas em todos os 27 países da UE, mas os dados sobre o excesso de mortalidade sugerem que se trata de uma subestimativa e que mais 300 mil pessoas morreram devido ao efeito direto ou indireto da pandemia”, refere o relatório da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) e da Comissão Europeia (CE).

Covid-19: Problemas de saúde mental aumentaram na Europa, sobretudo nos jovens

A Organização para Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) explica no relatório comparativo da situação de saúde na Europa que, enquanto em 2019 a percentagem de jovens entre 15 e 24 anos com sintomas de depressão era de 6%, contra 7% nos adultos, com o coronavírus os números aumentaram em todos os países para os quais existem dados.
Comentários