Portugal vai formar em Turismo de Cruzeiros

Programa encerra com um cruzeiro de cinco dias, durante o qual os alunos vão pôr em prática os conhecimentos adquiridos em sala.

Pau Barrena/Bloomberg

Se quer seguir viagem a bordo da primeira pós-graduação europeia em Turismo de Cruzeiros, está na hora de fazer a sua reserva. Este “cruzeiro”, coordenado por Fernando Santos, responsável da GlobalSea – CruiseXperts, agência de viagens dedicada ao turismo de cruzeiros, tem data de partida a 17 de janeiro de 2017, no Instituto Superior de Educação e Ciência (ISEC), em Lisboa. O número de lugares é limitado.

“Estamos no setor há muitos anos e sabemos que há procura para formação especializada numa área de forte crescimento e elevado potencial“, explica Fernando Santos ao Jornal Económico.

Em Portugal, à semelhança do que acontece no resto do mundo, o negócio continua a expandir-se e a afirmar-se como uma oportunidade de criação de riqueza e de emprego (ver infografia).

“Entrar por uma área especializada e nicho do turismo – os cruzeiros – apresenta-se como uma vantagem competitiva que os pós-graduados e profissionais que se interessam pelo tema não podem desperdiçar”, sublinha Eduardo Cruz, diretor da Escola de Gestão do ISEC.

O programa arranca com o reconhecimento das principais empresas de cruzeiro e o apoio da Associação Portuguesa de Agências de Viagens e Turismo, Administração do Porto de Lisboa, Associação dos Agentes de Navegação de Portugal, Lisbon Cruise Club, Lisbon Cruise Terminals e Agência Portuguesa de Marítimos. Ilustrativo desse reconhecimento é, por exemplo, a incorporação no programa de uma unidade curricular sobre cruzeiro adaptado, sugestão dada pelo Turismo de Portugal.

No “cruzeiro” do ISEC poderão embarcar jovens licenciados, agentes de viagem, elementos dos operadores turísticos e dos portos que já exerçam e entusiastas dos navios que desejam aprofundar o conhecimento na área. O curso está também aberto a pessoas que, tendo um percurso, queiram reorientar a agulha da sua profissão, ou graduados que terminem estudos noutras áreas mas encarem o turismo como ponto de chegada de uma atividade futura. “O objetivo é ajudar a transmitir conhecimento a todos os que querem fazer carreira nesta área”, realça Fernando Santos.

A viagem começa em terra, no Campus do Lumiar do ISEC, e faz-se três vezes por semana em regime pós laboral: terças-feiras, quintas-feiras e sábados de manhã. Os dois semestres, que culminarão com a apresentação de um projeto pelos alunos, conferindo 60 “ECTS” à qualificação após o curso, incluem “aulas práticas” no terminal de cruzeiros e no porto de Lisboa, para o medir o pulso ao “estado da arte” do setor.

No final da pós-graduação, os alunos terão oportunidade de realizar um cruzeiro com a duração de cinco dias. O embarque faz-se em Lisboa, saindo em Génova, Itália, onde decorrerá um seminário. Será uma mega aula prática, onde poderão testar os conhecimentos adquiridos. O valor do cruzeiro está incluído no preço final de 5.500 euros.

Os estágios profissionais pós curso são, segundo Fernando Santos, “uma preocupação”, estando a ser negociados com diversas entidades. O envolvimento da fileira é, de resto, transversal a todo o programa coordenado por Fernando Santos.

Recomendadas

Portugal sobe duas posições no Ranking Mundial de Talento e é agora o 24.º mais competitivo

Portugal melhora sobretudo na Investigação & Desenvolvimento e na Preparação. O podium mundial é liderado pela Suíça, Suécia e Islândia, as três economias mais competitivas em talento a nível mundial entre os 63 países analisados pela escola de negócios IMD.

Universidade dos EUA atribui grau honoris causa em Proteção Civil e Segurança a professor do Politécnico da Guarda

Pedro Simões, coordenador do CTeSP em Riscos e Proteção Civil do Politécnico da Guarda, foi distinguido pela Grendal University de Miami com o grau honoris causa.

Universidade de Évora atribui Honoris Causa ao arquiteto Carrilho da Graça

 O arquiteto João Luís Carrilho da Graça, de 70 anos, vai receber o grau de Doutor Honoris Causa pela Universidade de Évora (UÉ), numa cerimónia marcada para a próxima terça-feira, anunciou hoje a academia alentejana.
Comentários