Pré-acordo na Autoeuropa prevê aumento salarial de 5,2% já em dezembro

A Comissão de Trabalhadores da Autoeuropa anunciou hoje um um pré-acordo com a administração da fábrica de automóveis de Palmela para um aumento extraordinário de 5,2% que anula o aumento de 2% previsto para 2023.

JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA

A Comissão de Trabalhadores da Autoeuropa anunciou hoje um um pré-acordo com a administração da fábrica de automóveis de Palmela para um aumento extraordinário de 5,2% que anula o aumento de 2% previsto para 2023.

“Hoje, após várias reuniões com a administração relativamente ao aumento salarial extraordinário, chegámos ao seguinte resultado: 2% que já estavam previamente acordados para janeiro de 2023 ficam sem efeito; aumento extraordinário de 5,2% com início em dezembro de 2022”, refere uma comunicação interna da Comissão de Trabalhadores.

No documento, a que a agência Lusa teve acesso, a Comissão de Trabalhadores da Autoeuropa refere que, com a aplicação do aumento extraordinário, os trabalhadores da Autoeuropa vão ter aumentos entre os 75 euros (nível 2) e os 122,50 euros (nível 12).

Contactado pela agência Lusa, o coordenador da Comissão de Trabalhadores da Autoeuropa, Rogério Nogueira, revelou que o acordo alcançado hoje com a administração da Autoeuropa “mereceu a aprovação unânime” dos elementos que integram aquele órgão representativo dos trabalhadores.

“Acreditamos que é um acordo que vai ao encontro da expectativa da maioria dos trabalhadores da Autoeuropa”, disse Rogério Nogueira, adiantando que este pré-acordo será referendado já nos próximos dias 04 e 05 de dezembro.

Nos dias 17 e 18 de novembro, os trabalhadores da Autoeuropa realizaram greves parciais de duas horas por turno para exigirem um aumento extraordinário, face ao aumento da taxa de inflação e do custo de vida.

De acordo com os sindicatos as greves parciais tiveram uma adesão significativa, entre os 50 e os 75%, mas a administração da Autoeuropa anunciou que a adesão à greve se ficou pelos 37%, considerando todos os trabalhadores da fábrica de automóveis da Volkswagen em Palmela, no distrito de Setúbal.

A administração da Autoeuropa propunha um prémio único de 400 euros a ser pago ainda este ano e a aplicação de um aumento de 2%, que já estava previsto para 2023.

Recomendadas

Reditus volta a adiar a apresentação dos resultados de 2021

A empresa estima que “a publicação dos seus documentos de prestação de contas individuais e consolidadas de 2021 seja concretizada até ao dia 24 de fevereiro de 2023”.

Dinamarquesa Eurowind Energy investe mais de 400 milhões de euros em Portugal

A multinacional dinamarquesa Eurowind Energy, que inaugurou esta terça-feira o segundo parque solar de produção de eletricidade do país, quer investir até ao fim desta década mais de 400 milhões de euros em Portugal.

Oito empresas portuguesas no index de igualdade de género da Bloomberg

Em análise estiveram cinco aspetos, desde a capacidade de liderança de talentos até às medidas contra o assédio sexual em ambiente profissional.
Comentários