Preço do petróleo pode atingir os 110 dólares com embargo russo, alerta Bank of America

Cortes na produção de petróleo são outro risco que pode agravar o preço do barril. O Bank of America calcula que um corte de um milhão de barris na produção pode agravar o preço entre os 20 e os 25 dólares. Países como o Iraque, Líbia, Nigéria são outro risco que pode levar ao aumento do preço do petróleo.

O preço do barril de petróleo pode chegar aos 110 dólares, em 2023, diz o Bank of America, citado pelo ~”Business Insider”. Contudo, o preço poderá ser ainda mais elevado. Entre os riscos está o embargo ao petróleo russo, que se iniciou na passada segunda-feira, com a limitação a 60 dólares do barril de petróleo da Rússia enviado por via marítima, decretada pelo G7 juntamente com a Austrália e os 27 estados membros da União Europeia. O comportamento de países como o Iraque e a Líbia são outros fatores que podem agravar o preço do petróleo.

O Bank of America espera que o preço médio do barril de petróleo chegue aos 100 dólares, e que o pico fique nos 110 dólares, em 2023.

Na passada segunda-feira, com o início do embargo ao petróleo russo já se verificava uma subida no preço do petróleo, tendência que se inverteu esta terça-feira, com a descida de 1,06% para os 81,80 dólares do brent, e de 1,16% para os 76,04 dólares do crude.

Quebra na produção pode levar a agravamento

O Bank of America refere que uma eventual quebra na produção de petróleo da Rússia pode levar a um disparar do preço do petróleo.

Mexidas nas produções de petróleo por parte de países como a Líbia, Nigéria, Iraque podem também colocar pressão ascendente no preço do barril.

A instituição acrescenta que uma mexida na produção de petróleo, com uma quebra de um milhão de barris, pode fazer o preço do petróleo aumentar entre os 20 e os 25 dólares.

Entre outros fatores que podem fazer oscilar o preço do petróleo, de acordo com o Bank of America, estão um possível abandono da política zero Covid-19 da China, e a possibilidade de uma recessão que leve a uma descida na procura por petróleo.

Recomendadas

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta segunda-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta segunda-feira.

Maiores bancos espanhóis preparam-se para contestar taxa sobre lucros “caídos do céu”

Os bancos espanhóis vão avançar com uma ação legal contra a contribuição sobre os lucros inesperados, de acordo com fontes próximas dessas instituições. Em Portugal, a medida não se aplica à banca. Antes, é exigida às empresas do sector da energia e da distribuição alimentar.

CEO do TikTok vai ser ouvido nos Estados Unidos

O CEO da plataforma vai explicar e informar quais as políticas de privacidade da rede social, o impacto desta nos utilizadores mais novos e qual a sua relação com o Partido Comunista Chinês.
Comentários