Preço médio semanal da ERSE cai 4,6% para gasóleo e 5,7% para gasolina

O preço médio semanal dos combustíveis, calculado pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos, desce, esta semana, 4,6% para o gasóleo e 5,7% para a gasolina, segundo um relatório divulgado pela entidade.

Tiago Petinga/Lusa

O preço médio semanal dos combustíveis, calculado pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos, desce, esta semana, 4,6% para o gasóleo e 5,7% para a gasolina, segundo um relatório divulgado pela entidade.

Assim, de acordo com a informação do Relatório Semanal de Supervisão dos Preços de Venda ao Público, publicado na segunda-feira à noite pela ERSE, “para a semana de 21 a 27 de novembro, o Preço Eficiente antes de impostos é de 0,933 Euro/l para a gasolina 95 simples e de 1,126 Euro/l para o gasóleo simples. Após impostos, o Preço Eficiente fica nos 1,750 Euro/l e nos 1,758 Euro/l, para a gasolina 95 simples e para o gasóleo simples, respetivamente”.

A ERSE revelou também que “o Preço Eficiente registou uma atualização, face à semana passada de -5,7%, para a gasolina 95 simples e de -4,6% para o gasóleo simples, tendo em conta a variação semanal das cotações internacionais da gasolina 95 simples em -11,3% e do gasóleo simples em -7,5%”.

O preço eficiente “é um preço médio semanal determinado pela ERSE e resulta da soma das seguintes componentes: os preços dos combustíveis nos mercados internacionais de referência e os respetivos fretes marítimos, a logística primária, incluindo nesta parcela as reservas estratégicas e de segurança do Sistema Petrolífero Nacional, os sobrecustos com a incorporação de biocombustíveis e a componente de retalho acrescida dos impostos respetivos”, segundo a ERSE.

Por outro lado, relativamente à semana anterior (7 a 13 de novembro) “verificou-se que a média dos Preços de Venda ao Público anunciados nos pórticos, e reportada no Balcão Único da Energia, esteve 2,1 cent/l abaixo do Preço Eficiente, dessa semana, no caso da gasolina 95 simples, e 2,6 cent/l, acima no caso do gasóleo simples”.

Ou seja, indicou o regulador, “em termos percentuais, a gasolina 95 simples foi anunciada nos pórticos 1,1% abaixo do Preço Eficiente e o gasóleo simples foi anunciado 1,4% acima do Preço Eficiente”.

A entidade destacou que, “relativamente à semana anterior”, no que respeita aos preços com descontos que são preços médios publicados pela Direção-Geral de Energia e Geologia (DGEG), “a gasolina 95 simples apresentou um desvio de -3,6% face ao Preço Eficiente e o gasóleo simples de -3,0%”.

Assim, “em termos absolutos, estas estimativas situam-se, para a gasolina 95 simples, em -6,8 cent/l, e para o gasóleo simples, em -5,4 cent/l, abaixo dos respetivos Preços Eficientes”.

 

 

Recomendadas

Custo de cabaz alimentar de bens básicos aumentou 21% para adultos num ano, diz BdP

O banco central revela que entre outubro de 2021 e outubro de 2022, o custo mensal médio e mediano de um cabaz básico de consumo alimentar para um adulto com cerca de 40 anos aumentou 21% e 24%, respetivamente.

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta sexta-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta sexta-feira.

PremiumMenores retenções de IRS não chegam a todos em janeiro

Novas tabelas de IRS não dão aumento do rendimento disponível a todos os contribuintes a partir de janeiro. Solteiros e casados com dois filhos são os mais penalizados. Com novas regras, ganhos serão superiores a partir de julho.
Comentários