Preços na produção industrial caem 2% em outubro

De acordo com o Instituto Nacional de Estatística, com exceção da energia, todos os grandes agrupamentos industriais apresentaram variações homólogas inferiores às registadas no mês anterior.

Os preços na produção industrial caíram 2% em outubro em relação ao período homólogo, uma diminuição de 2,3 pontos percentuais (p.p.) face ao registado no mês anterior, de acordo com o Instituto Nacional de Estatística (INE).

“O Índice de Produção Industrial registou uma variação homóloga de -2,0%, taxa 2,3 pontos percentuais (p.p.) inferior à observada em setembro”, refere o INE numa nota publicada esta sexta-feira, acrescentando que, com exceção da energia, todos os grandes agrupamentos industriais apresentaram variações homólogas inferiores às observadas no mês anterior.

A taxa de variação do agrupamento de energia passou de -5,4% em setembro para uma variação nula em outubro.

Quanto aos agrupamentos de Bens de Consumo e de Bens Intermédios, o organismo de estatísticas aponta para contributos iguais de -1,3 p.p., “em resultado de variações homólogas idênticas, de -3,9% (2,4% e -1,5% em setembro, respetivamente)”.

“O único contributo positivo (0,7 p.p.) partiu do agrupamento de Bens de Investimento que, ainda assim, passou de uma taxa de variação de 6,7%, em setembro, para 4,8% no mês análise”, é destacado na mesma nota.

No que diz respeito à variação mensal, o índice de Produção Industrial teve uma variação -1,8% em outubro (-2,1% em setembro), tendo todos os grandes agrupamentos industriais registado contributos negativos para a variação do índice total, excetuando o de Bens de Investimento (0,1 p.p.), que resultou de uma taxa de variação de 0,7% (-5,6% no mês anterior).

Ainda sobre os agrupamentos de Energia e de Bens Intermédios, estes contribuíram, respetivamente, com -0,8 p.p. e -0,7 p.p., devido a variações mensais de -4,6% e -2,0% (2,5% e -1,7% em setembro); o agrupamento de Bens de Consumo registou uma taxa de variação de -1,3% (-3,2% no mês anterior) e um contributo de -0,5 p.p..

Recomendadas

PremiumLeia aqui o Jornal Económico desta semana

Esta sexta-feira está nas bancas de todo o país a edição semanal do Jornal Económico. Leia tudo na plataforma JE Leitor. Aproveite as nossas ofertas para assinar o JE e apoie o jornalismo independente.

Dois terços dos municípios aplicam derrama de IRC sendo 127 com taxa máxima

Dois terços dos municípios portugueses vão cobrar derrama de IRC às empresas instaladas nos seus concelhos, havendo 127 que aplicarão o valor máximo de 1,5%, segundo a tabela de taxas agora divulgada pelo fisco.

Governo aprova extinção do fundo de pensões da Caixa

A extinção do fundos de pensões da CGD já está aprovada. Os beneficiários não serão, contudo, prejudicados, já que as responsabilidades passam para a CGA.
Comentários