Presidente do Equador decreta estado de emergência em três províncias

O líder indígena Leonidas Iza, principal promotor dos protestos contra o Governo do Equador, ameaçou esta sexta-feira passar a “outro nível”, caso o Governo não dê respostas a dez exigências para superar a crise económica.

O presidente equatoriano, Guillermo Lasso, anunciou o estado de emergência em três das províncias do país, incluindo a capital Quito, após a violência durante os protestos indígenas contra os preços dos combustíveis.

“Estou empenhado em defender a nossa capital e o país. Isto obriga-me a declarar o estado de emergência em Pichincha, Imbabura e Cotopaxi a partir da meia-noite de hoje”, afirmou num discurso televisivo.

O líder indígena Leonidas Iza, principal promotor dos protestos contra o Governo do Equador, ameaçou esta sexta-feira passar a “outro nível”, caso o Governo não dê respostas a dez exigências para superar a crise económica.

“Se o Governo nacional não criar as condições para dar estas respostas, sim, sentimos que podermos passar a outro nível”, advertiu o presidente da Confederação de Nacionalidades Indígenas do Equador (Conaie), numa entrevista à agência de notícias Efe.

Leonidas Iza respondeu desta forma ao Presidente do Equador, Guillermo Lasso, que na quinta-feira afirmou não ver qualquer motivo para os protestos dos indígenas e comparou a situação atual com a de outubro de 2019, altura em que houve uma mobilização semelhante que exigia a revogação de um decreto que eliminava os subsídios à gasolina.

O aumento dos preços dos combustíveis e o do preço dos produtos de primeira necessidade são algumas das queixas que constam no documento com as dez exigências da Conaie.

O líder indígena responsabilizou também o atual Presidente das imposições do Fundo Monetário Internacional (FMI), como a flexibilização laboral e a eliminação dos subsídios.

Recomendadas

Bruxelas prepara plano de emergência para precaver corte total de gás russo (com áudio)

A presidente da Comissão Europeia, Ursula Von der Leyen, anunciou hoje perante o Parlamento Europeu que o seu executivo vai apresentar este mês um plano de emergência europeu para precaver um eventual corte total de fornecimento de gás russo.

“Sarrabulhada” governativa na ementa do Congresso do PSD. Ouça o podcast “Maquiavel para Principiantes” de Rui Calafate

“Maquiavel para Principiantes”, o podcast semanal do JE da autoria do especialista em comunicação e cronista do “Jornal Económico”, Rui Calafate, pode ser ouvido em plataformas multimédia como Apple Podcasts e Spotify.

Boris Jonhson nomeia novos ministros para as Finanças e Saúde depois de demissões (com áudio)

Os ministros de saída demitiram-se na terça-feira alegando perda de confiança no primeiro-ministro britânico.
Comentários