Prioridade da AirAsia é recuperar corpos e investigar acidente

O diretor executivo da Air Asia, Tony Fernandes, afirmou hoje que após terem sido encontrados mais de 40 cadáveres nas buscas pelo avião desaparecido no domingo, as prioridades são a recuperação dos corpos e a investigação do acidente. Após um encontro com o Presidente indonésio no Aeroporto Internacional de Juanda, em Subaraia, o presidente executivo […]

O diretor executivo da Air Asia, Tony Fernandes, afirmou hoje que após terem sido encontrados mais de 40 cadáveres nas buscas pelo avião desaparecido no domingo, as prioridades são a recuperação dos corpos e a investigação do acidente.

Após um encontro com o Presidente indonésio no Aeroporto Internacional de Juanda, em Subaraia, o presidente executivo da AirAsia contou que “a parte mais importante” da conversa com Joko Widodo foi a recuperação dos corpos, sendo igualmente essencial apresentar uma conclusão sobre o acidente “o mais rápido possível”.

“Esperamos terminar a recuperação até amanhã, se o tempo estiver bom”, disse aos jornalistas numa conferência de imprensa no aeroporto.

“A prioridade é trazer todos de volta para Surabaia. A Agência Nacional de Buscas e Resgate está muito confiante de que sabe, mais ou menos, a localização do avião “, acrescentou.

O avião da companhia aérea malaia de baixo custo AirAsia partiu no domingo passado de Surabaia com destino a Singapura, onde deveria ter aterrado cerca de duas horas depois.

Embarcaram 155 passageiros e uma tripulação de sete pessoas, entre os quais 155 indonésios, três sul-coreanos, um britânico, um francês (co-piloto), um malaio e um singapurense.

O piloto pediu à torre de controlo na Indonésia para virar ligeiramente à esquerda e subir de altitude para evitar uma tempestade, antes de perder a comunicação.

O avião não emitiu qualquer sinal de socorro.

OJE/Lusa

Recomendadas

Empresas reafirmam investimento contra riscos cibernéticos

A cibersegurança é uma prioridade para as empresas. O reforço do investimento na proteção de contra ataques mantém-se apesar da conjuntura atual marcada pela subida dos custos. 

Equinix cria fundo solidário de 50 milhões para promover a inclusão digital

A empresa de tecnologia norte-americana criou uma nova estrutura de apoio educativo. O conselho de administração da fundação irá, todos os anos, determinar o montante de doações da fundação, de modo a cobrir a concessão de contribuições ou a correspondência com as ofertas dos colaboradores.

Tecnológica portuguesa Innowave compra Cycloid

Desde 2018 que o grupo tem uma forte estratégia de M&A. “Esta aquisição é mais um passo na nossa estratégia de crescimento, materializada também na criação de centros de competência em Portugal, como é o caso de Lisboa, Porto, Coimbra, Faro e Beja”, afirmou o CEO da Innowave, Tiago Gonçalves.