Produção automóvel em Portugal cresceu 11,1% em novembro

O mercado dos veículos comerciais ligeiros foi o único a registar uma quebra. A Europa continua a ser o mercado líder nas exportações dos veículos fabricados em território nacional.

HO/Reuters

Em Novembro foram produzidos em Portugal 25.515 veículos automóveis ligeiros e pesados, tendo-se verificado um crescimento de 11,1 por cento. Observou-se uma quebra apenas no mercado dos veículos comerciais ligeiros.

Quanto ao total produzido nos onze meses de 2018, registou-se um crescimento de 70,4% correspondendo a 273.057 unidades fabricadas.

A informação estatística relativa aos onze meses de 2018 confirma a importância que as exportações representam para o sector automóvel já que 97% dos veículos fabricados em Portugal têm como destino o mercado externo, o que, sublinhe-se, contribui de forma significativa para a balança comercial portuguesa.

A Europa continua a ser o mercado líder nas exportações dos veículos fabricados em território nacional – com 90,7% – com a Alemanha (21,7%), França (14,9%), Itália (11,6%) e Reino Unido (11,1%) no topo do ‘ranking’.

Em termos de grandes regiões, o mercado asiático, liderado pela China (2,8%), mantém o segundo lugar nas exportações de automóveis fabricados em Portugal.

Recomendadas

EDP Renováveis vende Companhia Paranaense de Energia por 350 milhões de euros

A venda foi feita por um Enterprise Value (inclui dívida) estimado de 1,80 mil milhões de reais a 31 de dezembro de 2021 (o que equivale a 0,35 mil milhões de euros à taxa cambial de 5,16 euros/um real), e que será ajustado à data de conclusão.

Sindicatos desconvocam greve no Metro de Lisboa marcada para quarta-feira

No entanto, a Federação dos Sindicatos de Transportes e Comunicações entregou um novo pré-aviso de paralisação para 25 de outubro.

Talent Protocol compra empresa canadiana ligada à blockchain

A escolha recaiu sobre a Agora Labs, fundada por um grupo de quatro adolescentes. Matthew Espinoza (agora com 20 anos) e Freeman Zhang (de 19 anos) juntam-se à equipa da startup portuguesa dos ‘tokens’ para profissionais talentosos.
Comentários