Projeto de foguete que impacta águas portuguesas em consulta pública

A Agência Marítima Britânica colocou em consulta pública até 19 de agosto o projeto de lançamento do foguete da Virgin Orbit que irá impactar as águas ao largo da costa de Portugal, divulgou esta quarta-feira a Anacom.

De acordo com informação disponibiliza no ‘site’ da Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom), a Agência Marítima Britânica (Marine Management Organisation – MMO) colocou em consulta pública o projeto de lançamento do foguete da Virgin Orbit a partir do Spaceport Cornwall (Reino Unido), que impactará as águas ao largo da costa de Portugal.

Ou seja, “está em causa que a Virgin Orbit (VO) conduzirá as operações de lançamento iniciadas no Spaceport Cornwall”.

A Virgin Orbit irá usar um avião Boeing 747 “para transportar um foguete até um ponto de lançamento. Neste ponto, o Boeing 747 lançará o foguete da VO numa altitude que poderá variar num intervalo entre os 10.700 m e os 12.100 m”, lê-se na informação da Anacom.

“O foguete cairá por aproximadamente cinco segundos antes de ligar o motor”, sendo que “a parte de ignição do voo tem a maior probabilidade de falha, portanto, a VO solicitou uma zona de perigo em torno deste ponto”.

De acordo com o regulador, “um evento nominal não depositaria nenhum material no mar, mas para maior prevenção, é implementada uma zona de perigo de danos”.

Assim, “à medida que o foguete prossegue o seu curso para a órbita, o primeiro estágio do foguete cairá no oceano 193 segundos após a ignição do foguete e o segundo estágio (duas peças de fibra de carbono protegendo a carga útil) cairá 217 segundos após a ignição e impactarão as águas ao largo da costa de Portugal”, prossegue.

“No seu programa de trabalho, a VO tem uma janela temporal de lançamentos de 29 de setembro a 28 de dezembro de 2022, sendo que só estão planeados dois lançamentos em 2022, com uma ocupação de uma hora por dia (máximo) numa janela de três dias”, conclui.

Recomendadas

PremiumGestores bancários sem tarimba a gerir períodos inflacionários

Estudo sobre o sector bancário europeu feito pela consultora estratégica Oliver Wyman considera que as instituições financeiras podem não estar preparadas para os impactos do aumento da inflação e do abrandamento da economia na atividade.

Alojamento local em expansão no Douro ajuda a diversificar oferta turística

O alojamento local no Douro está em expansão e contribui para a diversificação da oferta turística neste território, existindo atualmente 714 unidades em atividade.

TAP nega acusação do sindicato dos pilotos e diz que gasta menos com alugueres face a 2018 e 2019

O Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) acusou, esta quarta-feira, a gestão da TAP de “desperdiçar” as receitas do verão com “milhões de erros” ao longo do ano, como a contratação externa de serviços.
Comentários