Protocolo de colaboração entre a SOFID e o BEI assinado esta quinta-feira

Amanhã, dia 13 de dezembro, serão apresentadas, no Ministério dos Negócios Estrangeiros, as novas linhas estratégicas de atuação da SOFID – Sociedade para o Financiamento do Desenvolvimento, Instituição Financeira de Crédito (conhecido como banco de fomento) e os instrumentos de apoio ao investimento.

Amanhã, dia 13 de dezembro, serão apresentadas, no Ministério dos Negócios Estrangeiros, as novas linhas estratégicas de atuação da SOFID – Sociedade para o Financiamento do Desenvolvimento, Instituição Financeira de Crédito (conhecido como banco de fomento), e os respetivos instrumentos de MNE privado nos países em desenvolvimento.

Em comunicado do Gabinete da Secretária de Estado dos Negócios Estrangeiros e da Cooperação é anunciado que após a apresentação será assinado um protocolo de colaboração entre a SOFID e o Banco Europeu de Investimento (BEI) para o financiamento de investimentos privados em África, com a presença da Vice-Presidente do BEI, Emma Navarro.

Na sessão, intervirão o Ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, a Secretária de Estado dos Negócios Estrangeiros e da Cooperação, Teresa Ribeiro, o Secretário de Estado Adjunto e das Finanças, Ricardo Mourinho Félix, e a Presidente da Comissão Executiva da SOFID, Marta Mariz, refere o comunicado.

“A recente dinamização da atuação da SOFID reflete o contributo que o setor privado pode dar para o crescimento económico-social e para a promoção dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, e contribui ainda para a internacionalização da economia portuguesa”, lê-se no comunicado.

A SOFID é a instituição financeira de crédito portuguesa vocacionada para apoiar o investimento privado nos países em desenvolvimento, em articulação com os bancos de desenvolvimento europeus e multilaterais, “disponibilizando às empresas um conjunto de instrumentos de financiamento para apoiar os seus projetos de investimento”, diz a nota.

 

Recomendadas

FMI estima que a espiral de salários-preços ainda é um “risco limitado”

A ausência de uma espiral preços-salários não deve levar os líderes a não agirem para combater a inflação persistente, considera ainda o Fundo Monetário Internacional.

Compra de carros de luxo pela TAP “é um problema de bom senso”, diz Marcelo Rebelo de Sousa

“Já falei em relação a várias entidades públicas no passado e em relação à distribuição de dividendos e em relação aos salários e entendo que quando se está num período de dificuldade deve fazer-se um esforço para dar o exemplo de contenção”, defendeu hoje Marcelo Rebelo de Sousa.

Albergaria investe 3,7 milhões de euros na zona industrial para captar investimento e criar emprego

O município “tem realizado um forte investimento no desenvolvimento económico, dinamizando o sector empresarial e a economia local” nos últimos anos, segundo António Loureiro, Presidente da Câmara Municipal de Albergaria-a-Velha.
Comentários