PS-Madeira sublinha que Governo acordou tarde para o problema da pobreza

Favoráveis à realização deste diagnóstico, os socialistas consideram, contudo, que esta decisão peca por tardia, já que, entretanto, ao longo destes anos de “negacionismo” do Executivo.

O PS-Madeira concorda com a realização de um estudo sobre a pobreza na Região, realidade para a qual tem vindo, aliás, a alertar ao longo de anos, sem que o Governo Regional reconhecesse o problema.

Favoráveis à realização deste diagnóstico, os socialistas consideram, contudo, que esta decisão peca por tardia, já que, entretanto, ao longo destes anos de “negacionismo” do Executivo, “a situação de milhares de madeirenses veio a agravar-se substancialmente”, indica o líder parlamentar do PS, Rui Caetano.

“Não há dúvida nenhuma de que é preciso conhecer o tecido social da Região, de que é necessário conhecer a dura realidade dos madeirenses que estão a atravessar este flagelo que é a pobreza e a exclusão social”, afirma, esclarecendo que “quem sempre negou” que havia a necessidade de fazer este diagnóstico foi o Governo Regional.

“Quem sempre negou a realidade regional do ponto de vista social e que a Madeira era a região do País com o maior índice de pobreza e exclusão social foi o Governo Regional”, dispara Rui Caetano.

O dirigente socialista vinca que há já vários anos que o PS vem defendendo a realização deste estudo e vem denunciando a falta de estratégia do Governo Regional, questionando o porquê de só agora o Executivo avançar com esta caraterização do fenómeno.

“Vem tarde, mas mais vale tarde do que nunca”, refere Rui Caetano.

O líder parlamentar do PS sublinha ainda que, depois tantos anos a esconder o problema, o Governo Regional apresentou a estratégia de combate à pobreza e exclusão social, sendo que, na ocasião, a própria secretária regional da tutela admitiu que a realidade social ainda será pior no próximo ano, frisando que só vem dar razão ao PS, quando tem defendido a necessidade de medidas urgentes para apoiar as famílias madeirenses.

Recomendadas

Secretário da Economia considera que a Madeira tem “os melhores indicadores económicos de sempre”

A expetativa do governante é de que este ano a região melhore esses resultados, atingindo um novo máximo no PIB, e atraindo mais visitantes e comércio.

Grupo SATA integra projeto Cluster Grace Açores

Associados e membros do cluster partilham boas-práticas e desenvolvem sinergias com o objetivo de colocar os temas da Agenda 2030, 2050 e ESG (Environmental, Sustainability and Governance) como prioritários nas agendas das empresas.

Madeira: IHM renova campo de jogos do Bairro da Nazaré num investimento de 65 mil euros

A reabilitação daquele espaço e a introdução de um campo destinado à prática do Madeirabol, deverá constituir mais um polo de atração e recreio para os moradores, mas também para a população em geral.
Comentários