PSD: Sondagem aponta para vitória esmagadora de Rui Rio

A sucessão de Pedro Passos Coelho no partido é dada quase como certa, tendo em conta uma sondagem da Aximage. Pedro Santana Lopes conquista apenas 21,8% das intenções de voto entre os inquiridos.

A apenas um mês para as eleições diretas do Partido Social Democrata (PSD), o ex-autarca do Porto, Rui Rio, leva a melhor face ao antigo provedor da Santa Casa da Misericórdia, Pedro Santana Lopes, na corrida à liderança. Um sondagem da Aximage, feita para o ‘Negócios’ e ‘Correio da Manhã’, mostra que 71,9% dos inquiridos considera que Rui Rio é o melhor candidato ao PSD.

A sucessão de Pedro Passos Coelho no partido é dada quase como certa, tendo em conta a sondagem. Pedro Santana Lopes conquista apenas 21,8% das intenções de voto entre os inquiridos. Esta é a percentagem mais baixa que o ex-provedor consegue desde que se apresentou como candidato ao cargo de líder do partido.

No entanto, apenas os militantes do PSD poderão votar nas eleições diretas de 13 de janeiro, mas também entre eles o resultado é inequívoco. Os dados mostram que 70,5% dos eleitores preferem Rui Rio como presidente, enquanto 26,8% escolhem Pedro Santana Lopes. A distância entre os dois candidatos é então de 35,6 pontos percentuais.

A sondagem indica ainda que, independentemente de quem vencer as eleições diretas do partido, não conseguirá bater António Costa nas legislativas. Cerca de 60% dos inquiridos sublinham que têm “mais confiança” em António Costa como primeiro-ministro do que em Rui Rio. Ainda assim, 33% dos inquiridos afirmam que preferiam ver Rui Rio à frente do Governo e só 20% votariam num Executivo liderado por Pedro Santana Lopes.

Recomendadas

Marques Mendes: “Costa Silva recupera autoridade ou sai. O país precisa de um ministro da Economia forte”

“De um Governo com maioria absoluta, à partida um Governo forte, esperava-se unidade, coesão, determinação, energia, mobilização, espírito reformista. O que encontrámos? Exatamente o contrário”, disse este domingo o comentador da SIC.

“Há interessados em criar Zonas Livres Tecnológicas para criptomoedas”, diz secretário de Estado da Digitalização

Mário Campolargo, em entrevista ao Jornal Económico, explica os objetivos do Governo em renovar a Estratégia de Blockchain e Web3 e garante que há interesse por parte de vários ‘players’ em testar moedas virtuais nos espaços livres de constrangimentos regulatórios.

PAN defende aposta nos transportes públicos e revisão dos escalões de IRS

A porta-voz do PAN, Inês Sousa Real, defendeu, este domingo, na proposta de Orçamento do Estado para 2023 o Governo deve apostar nos transportes públicos e na revisão dos escalões de IRS, além da valorização da proteção animal. “É fundamental que no Orçamento do Estado se garanta uma maior aposta nos transportes públicos, a revisão […]
Comentários