PSI 20 em alta liderado pela indústria do papel

Altri, Navigator, Sonae Capital, e Mota Engil lideraram as subidas de Lisboa. Europa toda com sinal verde. Petróleo cai mais de 3%.

John Gress/Reuters

O índice da bolsa lisboeta fechou em alta de 0,42% para 4.463,19 pontos com a Altri (+3,61%), e a Navigator (+2,8%) a liderarem as subidas.

Com 13 títulos em alta e cinco em queda (Galp -0,94%; NOS -1,39%; Corticeira Amorim -0,37%; Pharol -0,55%; e CTT  -0,02%) a bolsa nacional acompanhou a tendência europeia. Madrid ganhou 0,12%; Milão subiu 0,09%; o francês CAC 40 valorizou 0,16% e o Dax em alta ligeira de 0,09% (fechando nos 10.699,27 pontos).

O EuroStoxx 50 subiu 0,20% para 3.046,83 pontos e o Stoxx 600 ganhou 0,18%. Destaque para a subida das acções da Actelion, que subiram 16,77% na bolsa. Isto decorre da notícia de que a empresa norte-americana Johnson & Johnson se aproximou da empresa de biotecnologia suíça Actelion para uma possível aquisição.

Em sentido inverso o banco italiano Monte dei Peschi que caiu 13,08% depois de ontem os accionistas terem aprovado o aumento de capital de cinco mil milhões de euros.

Londres também fechou em alta de 0,17% para os 6.840,75 pontos.

O petróleo cai mais de 2% após Arábia Saudita se auto-excluir de reunião com países externos à OPEP para tentar limitar o excesso da commodity no mercado.
A Bloomberg diz que a não participação da Arábia Saudita na reunião pode sinalizar dificuldades em chegar a acordo com os iraquianos e iranianos, que ainda esta semana se tinham manifestado optimistas em relação a um entendimento.   Os preços do petróleo intensificaram as quedas depois de conhecida a decisão de Riade, com o Brent do Mar do Norte, referência para a Europa, a cair 3,31% para os 47,38 dólares em Londres e o West Texas Intermediate a perder 3,32% para 46,37 dólares em Nova Iorque.

 

Recomendadas

PremiumReserva Federal penaliza mercados

A postura mais ‘hawkish’ do que o esperado do banco central norte-americano empurra os mercados para perto de mínimos do ano.

Wall Street encerra semana com principais índices a perder mais de 1,50%

O Dow Jones encerrou o dia a ceder 1,62% para 29.590,41 pontos, o S&P500 a perder 1,67% para 3.695,10 pontos e o tecnológico Nasdaq a recuar 1,80% para 10.867,93 pontos.

Euro e libra recuam para mínimos de décadas face ao dólar

O euro e a libra terminaram hoje a semana a recuar para mínimos de décadas face ao dólar, com as moedas europeias pressionadas por receios de recessão e o dólar a beneficiar do estatuto de ativo seguro.
Comentários