PSI-20 segue no ‘verde’ apoiado pelas elétricas

Praça lisboeta está agora a subir 0,04%, para 5.446,20 pontos nesta quarta-feira, seguindo a tendência da maioria das suas congéneres europeias.

O principal índice bolsista português, PSI 20, encontra-se a meio da sessão desta quarta-feira a crescer 0,04%, para 5.446,20 pontos, seguindo a tendência da maioria das suas congéneres europeias.

A fazer crescer o PSI 20 estão entre as principais cotadas portuguesas a EDP Renováveis que sobe 1,82%, para 21,28 euros, a EDP que cresce 0,70%, para 4,76 euros e a Greenvolt que valoriza 0,65%, para 6,19 euros.

A negociar com sinal ‘vermelho’ estão a meio da sessão o BCP que desce 0,51%, para 0,13 euros, a construtora Mota-Engil que cai 0,57%, para 1,21 euros, a petrolifera Galp que deprecia 0,69%, para 8,29 euros e a Corticeira Amorim que desvaloriza 1,47%, para 10,70 euros.

“As bolsas europeias seguem na sua maioria em alta, com o IBEX e Footsie100 a serem as exceções. O setor Tecnológico está a liderar os ganhos na europa, com a ASML a ser uma das cotadas em destaque. No seio empresarial destaque para a valorização de 7% do Bper, após lançar uma oferta não vinculativa a Carige e para a subida de 6,6% da Bpost, depois de receber uma recomendação de compra por parte do Barclays”, refere o analista de mercados do Millenium investment banking, Ramiro Loureiro.

Na Alemanha, o DAX cresce 0,36%, no Reino Unido, o FTSE 100 cai 0,13%, o francês CAC 40 valoriza 0,70%, o holandês AEX cresce 0,24%. Em Espanha, o IBEX35 desvaloriza 0,53% e o italiano FTSE MIB cresce 0,56%.

A cotação do barril de Brent desvaloriza 0,95%, com valor de 72,97 dólares, enquanto a cotação do crude WTI desce 1,10%, para 69,95 dólares por barril.

No mercado cambial o euro valoriza 0,12%, para 1,12 dólares.

Recomendadas

Pimco dá primeiro passo para regresso dos investidores ao mercado de obrigações

A Pacific Investment Management Co (Pimco) considera que chegou a altura de começar a comprar obrigações, pois as “yields” estão em níveis que a gestora de ativos especializada no mercado de dívida classifica de atraentes, segundo a Bloomberg.

Wall Street fecha sessão no vermelho depois de dois dias consecutivos de ganhos

No fecho das operações na Bolsa de Nova Iorque, o Dow Jones perdia 42,45 pontos, para os 30.273,87, e o S&P 500 desceu 0,2%, ou 7,65 pontos, para 3.783,28.

Bolsa de Lisboa fecha sessão a perder 1,49% com apenas o título da Galp no verde

A puxar o PSI para baixo estiveram os títulos da peso-pesado do retalho Jerónimo Martins, dona da cadeia de supermercados Pingo Doce, que deslizaram 3,52%.
Comentários