PSI abre no ‘verde’ em linha com Europa

A Mota-Engil e a Semapa são as cotadas com o maior crescimento na abertura desta segunda-feira. A Europa mantém tendência positiva.

A bolsa portuguesa (PSI) está esta segunda-feira, 16 de janeiro, a negociar em terreno positivo. A praça lisboeta abriu a sessão a ganhar 0,21% para 6.044,17 pontos.

A Mota-Engil é a empresa com a maior subida da abertura, crescendo 1,68% para 1,33 euros, seguindo-se a subida de 1,12% para 12,66 euros da Semapa. Também a Greenvolt negoceia no ‘verde’, somando 1,02% para 7,92 euros, a Altri avança 1,18% para 5,14 euros e o BCP sobe 0,11% para 0,19 euros.

A cotada Sonae avança 0,56% para 0,99 euros, a EDP Renováveis cresce 0,23% para 21,71 euros e a Galp soma 0,19% para 12,88 euros.

Para já, a EDP é a única empresa a negociar em terreno negativo, perdendo 0,19% para 4,82 euros.

Na abertura da sessão, a Europa está a negociar em terreno positivo. O alemão DAX cresce 0,22%, o francês CAC ganha 0,17%, o espanhol IBEX valoriza 0,18%, o britânico avança 0,06% e o italiano ganha 0,41%. O Euro Stoxx segue a valorizar 0,18% para 4.158,15 pontos.

“Os fracos resultados de diversos bancos norte-americanos não foram suficientes para travar o otimismo que está a marcar o arranque de ano muito positivo nos mercados, que continuam a recuperar das quedas muito acentuadas de 2022 apesar dos receios com um abrandamento pronunciado da atividade económica a nível global. As bolsas europeias estão a liderar este movimento de alta, acumulando já uma valorização de 6,5% desde o início do ano, o que representa as melhores primeiras duas semanas de ano de sempre. Ao contrário do que tem sido a norma, as ações europeias estão desde setembro a registar um desempenho superior às pares norte-americanas, uma tendência que os analistas explicam com as avaliações mais atrativas e o impacto mais evidente da reabertura da China”, aponta o BA&N Research Unit.

No mercado petrolífero, o Brent perde 0,89% para 84,52 dólares e o WTI desvaloriza 1,15% para 79,19 dólares. O gás natural ganha 6,41% para 3,638 dólares.

No mercado cambial, o euro recua 0,06% para 1,0821 dólares e a libra esterlina desliza 0,14% para 1,2208 dólares.

Recomendadas

IGCP quer alargar rede de distribuidores dos certificados de aforro para contornar desinteresse da banca

O presidente do IGCP sublinhou na COF o interesse em alargar a rede de distribuidores, de forma a contornar também, o que disse ser, o desinteresse da banca.

PSI fecha no ‘vermelho’ em contraste com as bolsas europeias

Os CTT lideram as perdas no índice da bolsa de Lisboa, seguido pela Galp e pela Jerónimo Martins, numa sessão em que os barris de brent e crude voltaram a encarecer.

Inflação: Governos dificultam a missão do BCE? Ouça o podcast “Mercados em Ação”

Estarão os estímulos dos Governos às famílias a prejudicar a tarefa de Christine Lagarde e dos outros líderes dos bancos centrais na árdua tarefa de conter a inflação? Henrique Tomé, analista do XTB, analisa este e outros temas na edição desta semana do programa da plataforma multimédia JE TV.
Comentários