PSI abre sessão no ‘vermelho’ em manhã mista na Europa

A generalidade das praças europeias registam perdas esta manhã, com exceção do britânico FTSE, que sobe 0,22% para 7.537,99 pontos, e do italiano MIB, que avança 0,12% para 24.294,00 pontos.

A bolsa de Lisboa negoceia em terreno negativo no início da sessão desta quarta-feira, estando a subir 0,11% para 5.846,05 euros, num manhã mista nos mercados europeus.

As cotadas energéticas negoceiam de forma díspar, com as renováveis em destaque pela positiva. Enquanto a EDP Renováveis e a Greenvolt ganham, respetivamente, 1,23% para 22,24 euros e 0,50% para 8,04 euros, a Galp cai 1,12% para 11,95 euros e a EDP negoceia na ‘linha de água’.

A generalidade das praças europeias registam perdas esta manhã, com exceção do britânico FTSE, que sobe 0,22% para 7.537,99 pontos, e do italiano MIB, que avança 0,12% para 24.294,00 pontos.

“Os sinais mistos que vieram hoje da China também estão a ter impacto nos mercados, contribuindo para travar alguma tendência negativa. Pequim eliminou algumas das regras mais restritivas relacionadas com o controlo da pandemia, que deverão limitar a suspensão na atividade das empresas”, é destacado na nota diária BA&N Research Unit.

 

Em atualização

Recomendadas

Wall Street abre sessão em terreno negativo com perdas acima de 1% do Nasdaq

A bolsa de Nova Iorque inicia a semana com perdas em todos os índices

Bolsa de Lisboa mantém-se no ‘vermelho’. EDP Renováveis cai mais de 2%

As principais bolsas europeias também seguem na sua maioria em terreno negativo, com o DAX (Alemanha) a desvalorizar 0,76%, o CAC 40 (França) a perder 0,67% e o IBEX 35 (Espanha) a depreciar 0,19%. Já o FTSE 100 (Reino Unido) está a valorizar 0,02%.

Europa em maré ‘vermelha’. PSI recua pressionado por todas as cotadas

A bolsa alemã é a que apresenta a maior pressão na Europa, seguindo-se a francesa e posteriormente a de Lisboa. No PSI, todas as cotadas estão a negociar no ‘vermelho’.
Comentários