PSI continua no ‘vermelho’ a meio da sessão

A Europa segue também em terreno negativo com as principais praças a perder cerca de 2%. A liderar as perdas está Paris (-2,52%). Segue-se Londres que desvaloriza 2,29%, Frankfurt cai 2,08% e Madrid recua 1,49%.

A bolsa de Lisboa segue a meio da sessão desta terça-feira em terreno negativo com perdas de 2,14% para 5.666,19 pontos, acompanhando as principais praças europeias que foram arrastadas pelo desempenho negativo em Wall Street na quarta-feira. A Jerónimo Martins e o Banco Comercial Português (BCP) são quem mais desvaloriza ao recuarem 3,16% e 3,07% para 19,03 e 0,1450 euros, respetivamente.

Destaque ainda para a EDP Renováveis (-3,01% para 20,30 euros) e os CTT (-2,97% para 3,60 euros). A EDP cai 2,11% para 4,41 euros, seguida da Corticeira Amorim (-1,96% para 9,98 euros) e da Greenvolt, que perde 1,83% para 6,42 euros.

A Europa segue também em terreno negativo com as principais praças a perder cerca de 2%. A liderar as perdas está Paris (-2,52%). Segue-se Londres que desvaloriza 2,29%, Frankfurt desliza 2,08% e Madrid recua 1,49%.

“As bolsas europeias negoceiam em baixa algo expressiva, pressionadas pela queda sentida ontem em Wall Street e que se deverá prolongar no arranque da sessão de hoje, a avaliar pela descida que se regista no mercado de futuros sobre os principais índices norte-americanos. As preocupações de que as pressões inflacionistas possam levar a atitudes mais agressivas no que respeita à subida de juros pelos bancos centrais está a castigar o sentimento”, comentam os analistas do Millennium.

“Esta manhã chegou a indicação de que a economia britânica se expandiu menos que o previsto no 1.ºtrimestre, condicionada pela queda dos gastos do Estado mas também por um crescimento mais fraco que o previsto no consumo. A produção industrial do Reino Unido contraiu inesperadamente em março”, acrescentam.

Recomendadas

Wall Street: Reserva Federal mantém todos os índices em alta

Os mercados do outro lado do Atlântico parecem ter interiorizado que, como pretendia, o combate à inflação vai ser menos bruto por parte do banco central. O dia foi de ganhos em todos os principais índices do mercado.

Transmissões gratuitas de aplicações em fundos de investimento ficam sujeitas a imposto de selo

As transmissões gratuitas de valores aplicados em fundos de investimento mobiliário e imobiliário ou em sociedades de investimento mobiliário e imobiliário passam a pagar Imposto do Selo, segundo uma proposta de alteração do PS ao OE2022 hoje aprovada.

PSI encerra no ‘verde’. BCP dispara mais de 5% e Greenvolt quase colada

Lisboa terminou a sessão em linha com as suas congéneres europeias. O CAC 40 ganhou 1,78%, DAX avançou 1,60%, IBEX apreciou 1,45%, e o FTSE100 valorizou 0,93%.
Comentários