PSI segue sessão no ‘verde’ impulsionada pelo sector energético

Euro negoceia abaixo da paridade, enquanto o petróleo escala depois de discurso de Putin.

A bolsa de Lisboa segue a meio da sessão desta quarta-feira em terreno positivo ao subir 0,40% para os 5.795,22 pontos. A liderar os ganhos encontra-se a Greenvolt, que cresce 2,95% para 9,08 euros, seguida da Galp, que valoriza 2,57% para 10,14 euros.

Com ganhos superiores a 1% estão ainda a Semapa (+2,05% para 12,92 euros) e a EDP Renováveis (+1,75% para 23,89 euros). A EDP aprecia 0,65% para 4,94 euros.

Em sentido inverso, a NOS perde 1,39% para 3,55 euros, e a Jerónimo Martins cai 0,90% para 21,92 euros.

Altri e The Navigator permanecem imóveis nos 5,13 e 3,54 euros, respetivamente.

Lá fora, as principais praças europeias negociaram no ‘verde’. O CAC 40 ganha 0,26%, o DAX sobe 0,04%, o IBEX 35 avança 0,20% e FTSE 100 valoriza 0,98%.

“A maioria das praças europeias negoceia em alta, no dia em que os investidores aguardam pelas decisões de política monetária  da Fed, que chegam pelas 19h (hora de Lisboa). É esperado um aumento de 75 pontos base na taxa de juro diretora para os Estados Unidos, mas há quem aponte para uma subida de 100 pontos base. A decisão vai impactar as últimas horas de negociação em Wall Street e deve ter impacto na sessão europeia de amanhã”, refere o analista do Millenium BCP Ramiro Loureiro.

“Para já é a notícia de que a Rússia irá mobilizar 300 mil tropas de reserva de forma gradual para a guerra na Ucrânia a marcar a atualidade, levando ao disparo da cotação de empresas ligadas ao ramo da Defesa, como Rheinmetall, Leonardo, Dassault Aviation, BAE Systems ou Thales. Nota ainda para o plano de apoio económico de £40 mil milhões no Reino Unido, que inclui algumas medidas para limitar os preços de energia. A subida de preços de gás natural e de crude faz com que o setor Energético lidere os ganhos”, conclui.

Nos outros mercados, o preço do barril de petróleo sobe dos dois lados do Atlântico: em Nova Iorque, o WTI está a avançar 2,82% para os 86,31 dólares, mas o Brent avança 2,75% para os 93,14 dólares em Londres.

No mercado cambial, o euro desvaloriza 0,43% face ao dólar norte-americano para os 0,9924 dólares.

Recomendadas

Cotação do barril Brent para entrega em novembro baixa para 87,96 dólares

A cotação do barril de petróleo Brent para entrega em novembro terminou esta sexta-feira no mercado de futuros de Londres em baixa de 0,73%, para os 87,96 dólares.

Wall Street encerra sessão com principais índices a perder mais de 1,50%

No momento de fecho o Dow Jones recua 1,71%para 28.725,84 pontos, o S&P 500 cede 1,51% para 3.585,40 pontos e o tecnológico Nasdaq desvaloriza 1,51% para 10.575,62 pontos. 

PremiumAções com pior mês desde junho e pode não ficar por aqui

Libra em forte desvalorização e juros da dívida do Reino Unido disparam após polémico “mini-orçamento” de Liz Truss.
Comentários