PSI-20 arranca no ‘verde’ elevado pelo BCP e Jerónimo Martins

Praça lisboeta abriu a sessão desta quarta-feira a subir 0,05%, para 4.931,62 pontos, seguindo a tendência da maioria das suas congéneres europeias.

Benoit Tessier / Reuters

O principal índice bolsista português, PSI 20, iniciou sessão desta quarta-feira a crescer 0,05%, para 4.931,62 pontos, seguindo a tendência da maioria das suas congéneres europeias.

A fazer crescer o PSI 20 estão entre as principais cotadas portuguesas a Jerónimo Martins que sobe 0,43%, para 13,99 euros, o BCP que cresce 0,24%, para 0,12 euros e a construtora Mota-Engil que valoriza 0,29%, para 1,37 euros.

A negociar com sinal ‘vermelho’ estão a meio da sessão a Altri que desce 0,67%, para 5,17 euros, a EDP Renováveis que cai 0,22%, para 22,90 euros, a Corticeira Amorim que desvaloriza 0,72%, para 10,96 euros e a Navigator que deprecia 0,79%, para 2,50 euros.

Na Europa, a maioria das bolsas abriu no ‘verde’. Na Alemanha, o DAX cresce 0,07%, no Reino Unido, o FTSE 100 sobe 0,11%, o francês CAC 40 desvaloriza 0,03%, o holandês AEX cresce 0,17%. Em Espanha, o IBEX35 desvaloriza 0,05% e o italiano FTSE MIB cresce 0,13%.

A cotação do barril de Brent valoriza 0,64%, com valor de 51,54 dólares, enquanto a cotação do crude WTI cresce 0,71%, para 48,34 dólares por barril.

No mercado cambial o euro valoriza 0,11%, para 1,22 dólares.

Recomendadas

Wall Street fecha eufórica com vislumbre do abrandamento da subida das taxas da Fed

Nasdaq foi o índice estrela de Wall Street. A justificar a subida das ações está a descida do ISM dos EUA para mínimos de mais de dois anos, que reforçou a narrativa de que a Fed está a ter sucesso no arrefecimento da economia, pelo que poderá abrandar o aperto da política monetária.

Musk avança para a compra do Twitter e ações disparam 22%

O CEO da Tesla, Elon Musk, voltou atrás na negociação e concordou em comprar o Twitter pelo preço original acordado de 44 mil milhões de dólares. As negociações da tecnológica na bolsa norte-americana foram interrompidas aquando do anúncio e retomaram a valorizar 22%.

‘Green bonds’. EDP avança com nova emissão de 500 milhões

Em menos de 24 horas, a EDP anuncia que vai aos mercados buscar mil milhões para financiar projetos de energias renováveis.
Comentários