PSI20 perde quase 2% arrastado por BCP e PT e lidera perdas na Europa

O PSI20, principal índice da bolsa portuguesa, segue a perder 1,96% para 4.789.01 pontos, protagonizando a maior queda de uma Europa ‘no vermelho’, arrastado pelas desvalorizações dos títulos do BCP e da PT. Cerca das 12h56, o BCP liderava as perdas, ao recuar 4,12% para 0,0652 euros, seguido da Portugal Telecom (PT), que perdia 3,93% […]

O PSI20, principal índice da bolsa portuguesa, segue a perder 1,96% para 4.789.01 pontos, protagonizando a maior queda de uma Europa ‘no vermelho’, arrastado pelas desvalorizações dos títulos do BCP e da PT.

Cerca das 12h56, o BCP liderava as perdas, ao recuar 4,12% para 0,0652 euros, seguido da Portugal Telecom (PT), que perdia 3,93% para 0,879 euros.

Todos os títulos do principal índice da bolsa portuguesa seguiam em baixa, com a banca a ocupar a tabela das cinco maiores desvalorizações bolsistas na sessão de hoje.

O Banif perdia 3,45% (0,0056 euros) e o BPI recuava 2,93% (0,962 euros).

A NOS, operadora que resultou da fusão entre a Optimus e a Zon, acompanhava a tendência, recuando 3,27% (5,206 euros).

Dos 18 títulos que atualmente compõem o PSI20, apenas sete empresas perdiam menos de 1% (Jerónimo Martins, Sonae, CTT, Altri, REN, EDP Renováveis e Semapa).

A perder mais de 1% estavam a Portucel, a Mota-Engil, a EDP e a Impresa.

Além do BPI, também a Galp Energia e a Teixeira Duarte perdiam mais de 2%.

Na Europa, as bolsas de Paris (CAC 40) e de Madrid (IBEX 35) eram as que mais recuavam, 1,09% e 1,04%, respetivamente, depois do PSI20.

As restantes praças seguiam no vermelho, embora com perdas inferiores.

OJE/Lusa

Recomendadas

Cotação do barril Brent para entrega em novembro baixa para 87,96 dólares

A cotação do barril de petróleo Brent para entrega em novembro terminou esta sexta-feira no mercado de futuros de Londres em baixa de 0,73%, para os 87,96 dólares.

Wall Street encerra sessão com principais índices a perder mais de 1,50%

No momento de fecho o Dow Jones recua 1,71%para 28.725,84 pontos, o S&P 500 cede 1,51% para 3.585,40 pontos e o tecnológico Nasdaq desvaloriza 1,51% para 10.575,62 pontos. 

PremiumAções com pior mês desde junho e pode não ficar por aqui

Libra em forte desvalorização e juros da dívida do Reino Unido disparam após polémico “mini-orçamento” de Liz Truss.