PSP apela à colaboração de todos para que edição do Rali Vinho Madeira decorra em segurança

A força policial apela a que durante a realização do evento o público “cumpra escrupulosamente as indicações” da organização e dos elementos da PSP.

A PSP apelou à colaboração de todos de modo a que a edição do Rali Vinho Madeira, que se inicia esta quinta-feira, decorra em segurança, deixando vários conselhos ao público.

A força policial apela a que durante a realização do evento o público “cumpra escrupulosamente as indicações” da organização e dos elementos da PSP.

“Conheça os itinerários e encerramento das estradas e arruamentos, amplamente divulgados, programando a sua mobilidade de acordo com estas limitações provisórias. Recorde-se que nem sempre é possível proceder à abertura de estradas entre classificativas por motivos inopinados, embora esteja programado um período de abertura”, acrescenta a PSP.

A PSP considera “fundamental” que se respeite a sinalização da prova com especial atenção: “Não se posicione em zonas consideradas perigosas, nomeadamente nas “áreas delimitadas por fitas vermelhas”; Respeite as saídas de emergência, pois são essenciais às equipas de emergência, para providenciar um socorro rápido a quem dele necessite; Não estacione o seu veículo na faixa de rodagem onde irão decorrer as provas especiais de classificação; Não circule a pé (nem com o seu veículo) no circuito da PE após o encerramento das estradas; Após o encerramento das estradas, se tiver perante uma situação de emergência, contate a PSP, para que, através do chefe de segurança do troço ou da organização, possa ser resolvido, após consulta da direção da prova, a situação; Tenha presente que as provas especiais de classificação só terminam quando a viatura do chefe de troço percorre todo o circuito e a PSP receba essa mesma indicação, pelo oficial responsável, da abertura de estrada”.

Recomendadas

Câmara do Funchal organiza sessões de informação para investidores das Comunidades Madeirenses

Pedro Calado comprometeu-se também a manter a proximidade e ligação com as Comunidades Madeirenses, garantindo que durante o mandato iria visitar algumas delas com o intuito de manter a proximidade e a ligação com a emigração.

Madeira: Santo António abre candidaturas para apoio à aquisição de material escolar

Os alunos com o primeiro escalão da ASE receberão 25 euros, os alunos com o segundo escalão  terão direito a 30 euros, com o terceiro escalão receberão 35 euros e aos beneficiários do quarto e quinto escalão será atribuído um o montante de 40 euros.

Empréstimos às famílias da Madeira diminuem em 62,1 milhões de euros

No segundo trimestre de 2022, 72,7% dos empréstimos foram destinados ao segmento da habitação, e os restantes 27,3% a consumo e outros fins.
Comentários