O carrinho de compras que evita filas no supermercado

O carrinho de compras inteligente da Veeve identifica os produtos que estão a ser colocados no seu interior e adiciona-os ao “carrinho de compras” virtual.


Há uma nova solução para evitar filas nas caixas dos supermercados, que foi desenvolvida pela startup americana Veeve. Criada por dois antigos engenheiros da Amazon, Shariq Siddiqui e Umer Sadiq, trata-se de um carrinho de compras inteligente.

Através de um tablet acoplado ao carrinho, os clientes começam por fazer check-in com o número de telefone. Depois disso, os produtos que retiram das prateleiras vão sendo identificados através de visão computacional e adicionados automaticamente ao carrinho de compras virtual. 

À medida que os produtos são colocados, são apresentadas no tablet recomendações de outros produtos, juntamente com avaliações e ratings deixados por outros clientes. 

Esta solução permite também aceder a todo o histórico de compras passadas para ajudar a não se esquecer de nenhum produto que compra habitualmente. 

No final, o pagamento é realizado num terminal que também está acoplado ao carrinho, por contactless ou inserindo um cartão físico. 

Para acelerar a integração desta solução tecnológica nos supermercados, a Veeve desenvolveu também um dispositivo plug & play que pode ser acoplado aos atuais carrinhos de compras e torná-los inteligentes. 

Desde que foi fundada em 2018, a Veeve já captou 11 milhões de dólares.

 

Artigo original publicado em SuperToast by INSTINCT.
Também disponível em Newsletter e Podcast.

Recomendadas

Meta testa mundos virtuais fechados 

The Big Ones destaca semanalmente as inovações e movimentos estratégicos das empresas que lideram a nova economia.

Docapesca e sindicatos acordam aumentos salariais entre 2% e 8,7%

A Docapesca e os sindicatos representativos dos trabalhadores acordaram hoje aumentos salariais entre 2% e 8,7%, que fixam o salário mínimo em 800 euros, com efeitos retroativos a janeiro, anunciou o Governo.

IGCP quer alargar rede de distribuidores dos certificados de aforro para contornar desinteresse da banca

O presidente do IGCP sublinhou na COF o interesse em alargar a rede de distribuidores, de forma a contornar também, o que disse ser, o desinteresse da banca.
Comentários