Quais são as fintechs mais inovadoras do mundo este ano?

O ranking “2017 Fintech100”, da empresa de investimento em H2 Ventures e da consultora KPMG, não distinguiu empresas portuguesas. No ano passado, a Feedzai esteve na lista.

Já são conhecidas as fintechs mais inovadoras do mundo deste ano. O mais recente ranking “Fintech100”, da empresa de investimento em H2 Ventures e da consultora KPMG, não distinguiu empresas portuguesas – ao contrário do ano passado, quando a Feedzai esteve na lista.

Ao fazer examinar as empresas globais que estão a aproveitar a tecnologia e a fazer a disrupção na orientação no setor financeiro, o “Fintech100” concluiu que aquelas que estão focadas em romper com os tradicionais modelos do sistema representam 73% do total. Comparativamente a 2016, assinala-se uma evolução na inovação da fintechs, uma vez que há mais países sete países representados, passando de 22 (2016) para 29 (2017).

Um dos principais destaques é o de que 15 das empresas distinguidas trabalham em áreas relacionadas com open banking. No ranking, no qual se incluem as “Leading 50” – as fintechs emergentes e na vanguarda -, as chinesas ocupam os três primeiros lugares da lista, no entanto, o país mais representado são os Estados Unidos da América, com 19.

“As empresas disruptivas dominam este ranking. Isto reforça o reconhecimento do potencial transformador que as fintech podem ter na indústria dos serviços financeiros, algo para que temos vindo a alertar. No entanto, acreditamos que continuarão a ser relevantes os projetos de cooperação com instituições financeiras”, refere o responsável pela área de serviços financeiros da KPMG, Vitor Ribeirinho.

Nesta tabela de inovação há 12 empresas tiveram captações acima dos 100 milhões de dólares. “A chinesa ZhongAn, por exemplo, arrecadou 1,5 mil milhões de dólares, no seu IPO [na bolsa de Hong Kong]. É inegável que as fintech serão a alavanca para a transformação da indústria”, destaca Nasser Sattar, líder de Advisory da KPMG Portugal.

Os critérios de seleção deste relatório são essencialmente cinco: o total do capital captado, a taxa de aumento de capital, a diversidade geográfica, a diversidade sectorial e o ‘fator X’ (grau de inovação do produto, do serviço e do modelo de negócio).

Top 10

  • Ant Financial – China
  • ZhongAn – China
  • Qudian (Qufenqi) – China
  • Oscar – Estados Unidos da América
  • Avant – Estados Unidos da América
  • Lufax – China
  • Kreditech – Alemanha
  • Atom Bank – Reino Unido
  • JD Finance – China
  • Kabbage – Estados Unidos da América

Por onde estão distribuídas a nível global?

  • 41 empresas do Reino Unido e da Europa, Médio-Oriente e África
  • 29 empresas da América do Norte e do Sul
  • 30 empresas da região da Ásia-Pacífico (incluindo Austrália e Nova Zelândia)
Recomendadas

Dificuldades em pagar as contas? Processo de insolvência singular pode ser um caminho

O consumidor em situação ou na iminência de incumprimento e sem qualquer perspetiva, a médio ou longo prazo, de que a sua situação financeira se altere poderá recorrer ao tribunal para pedir a insolvência singular.

Comparadora de seguros HelloSafe recebe mais quatro milhões para expandir em Portugal

“Este financiamento irá apoiar a nossa ambição de nos tornarmos a plataforma internacional número um em Portugal para comparar produtos financeiros e de seguros”, diz Oleksiy Lysogub, cofundador da empresa canadiana. ‘Insurtech’ vai contratar 40 pessoas.

Saiba que tipo de informação é dada pela nova etiqueta energética

A informação que consta da etiqueta varia conforme o equipamento, mas existe um conjunto de informação comum.
Comentários