O que vai mudar com o Orçamento do Estado para 2019? Envie questões para serem o respondidas nos próximos Webinar

O Governo entregou na segunda feira, 15 de outubro, na Assembleia da República a proposta de Orçamento do Estado para 2019. O impacto no dia a dia das famílias e empresas, será o tema dos próximos webinar Jornal Económico em parceria com a EY, nos dias 22 e 29 de outubro.

O email consultorio.oe@jornaleconomico.pt , está disponível para receber quaisquer dúvidas sobre o OE do próximo ano.

Os partners da EY vão responder-lhe.

Do IRS, às propinas, até aos impostos sobre a energia, há mudanças propostas que vão alterar as finanças pessoais. Dia 22 de outubro, Anabela Silva, a líder da área de People Advisory Services em Portugal e em Angola, estará na redação do Jornal Económico para explicar como as medidas apresentadas vão afetar as famílias.

E quais serão os encargos e benefícios para as empresas? Dia 29 de outubro, é a vez de falarmos das novidades trazidas pelo OE 2019 para o setor empresarial. Para isso, Luís Marques, Country Tax Leader da EY, irá explicar todas as alterações propostas.

 

Este conteúdo patrocinado foi produzido em colaboração com a EY.

 

Recomendadas

Adjudicados últimos seis lotes do concurso para fornecimento de serviços à rede SIRESP

O concurso para fornecimento de serviços à rede de emergência SIRESP foi concluído na segunda-feira, antes do prazo, com a adjudicação dos restantes seis lotes, anunciou hoje a empresa que gere o sistema.

Há um “caminho longo” a percorrer no envelhecimento ativo, diz a ministra da Coesão Territorial

“Sabemos hoje mais sobre as maleitas dos mais velhos e sabemos como as evitar”, sublinhou Ana Abrunhosa, reiterando que “todos queremos envelhecer com qualidade”.

Apoio às famílias pode mitigar desaceleração da economia, prevê Fórum para a Competitividade

O pacote de apoios preparado pelo Governo como resposta à inflação pode mitigar a desaceleração da economia, mas o próximo ano apresenta-se repleto de riscos de desafios. Salários reais devem voltar a cair, prevê o Fórum para a Competitividade.
Comentários