Receita da App Store caiu em setembro quando as compras com jogos esfriaram, diz Morgan Stanley

O Morgan Stanley revelou que o principal culpado pela queda foi a receita de jogos, que recuou 14% em setembro.

16 – Apple

A receita líquida da App Store da Apple caiu cerca de 5% em setembro, segundo o Morgan Stanley, sendo esta a queda mais acentuada para o negócio desde que o banco começou a avaliar os dados em 2015.

A análise, citada pela “CNBC”, teve por base dados da Sensor Tower, uma empresa que rastreia downloads e vendas de aplicações. Na análise do Morgan Stanley, o especialista Erik Woodring, disse que a App Store obteve declínios em mercados como EUA, Canadá e Japão.

O Morgan Stanley revelou que o principal culpado pela queda foi a receita de jogos, que recuou 14% em setembro. “Os clientes da Apple parecem estar a gastar menos devido a preocupações económicas”, escreveu Woodring.  “Acreditamos que os resultados recentes da App Store deixam claro que o consumidor global desvalorizou os gastos com a App Store”, acrescentou.

A Apple recebe entre 15% e 30% das compras na aplicações através de iPhones e outros dispositivos da Apple. A Apple não revela as vendas da App Store, mas a inclui como parte do negócio de serviços, que também abrange garantias e assinaturas como o Apple One. O Morgan Stanley espera que a receita total de serviços da Apple mostre um aumento de 8% no trimestre de setembro.

De recordar que no trimestre de junho, a Apple registou um aumento de 12% na receita de serviços, para 19,6 mil milhões de dólares (19,99 mil milhões de euros). Em julho, Luca Maestri, diretor financeiro da Apple, disse que a empresa espera um crescimento inferior a 12% em serviços no trimestre de setembro devido ao ambiente macroeconómico.

Além da queda na App Store, nos últimos tempos a empresa tem acumulado queixas com o modelo iPhone 14. Segundo a “Forbes” a nova linha da Apple foi impactada por vários bugs no lançamento, o que levou a empresa a lançar duas atualizações de emergência. Os mais recentes problemas afetam as chamadas telefónicas e a migração de dados do CarPlay.

Recomendadas

‘Cyber Monday’ regressa e promete dominar os mercados

A tradição norte-americana tem lugar todos os anos na segunda-feira a seguir à Black Friday e 2022 não é exceção à regra.

PAN propõe incentivos para “representação equilibrada” de género nas empresas

A deputada única do PAN, Inês de Sousa Real, propõe a criação de incentivos à “representação equilibrada” de género nas administrações das sociedades comerciais de forma a “assegurar uma quota mínima” de mulheres “superior a 40%”.

Pré-acordo na Autoeuropa prevê aumento salarial de 5,2% já em dezembro

A Comissão de Trabalhadores da Autoeuropa anunciou hoje um um pré-acordo com a administração da fábrica de automóveis de Palmela para um aumento extraordinário de 5,2% que anula o aumento de 2% previsto para 2023.
Comentários