‘Réveillon’ fora de casa. Estes são os destinos de eleição dos portugueses para chegar a 2020

Madrid e Barcelona são cidades para onde os portugueses mais viajam na altura da passagem do ano. Em 2017 e 2018 viajaram 14.800 lisboetas e 8.100 portuenses para Madrid, sendo que para Barcelona partiram 9.700 lisboetas.

Depois do Natal passado em família, chega a altura de entrar no novo ano com o pé direito noutro país, contando como a primeira viagem do ano em questão.

Para perceber quais os destinos de eleição dos portugueses para passar a entrada de 2020, a AirHelp disponibilizou alguns dados referentes a 2017 e 2018 para perceber qual a tendência dos cidadãos portugueses.

No ano passado, o destino que atraiu perto de 7.800 passageiros foi a Madeira. O aeroporto Cristiano Ronaldo viu as chegadas encherem-se de portugueses para celebrar a entrada em 2019 com o que é considerado um dos melhores fogos de artifício de Portugal. Em 2017, a Madeira também foi o destino mais apetecível.

Em 2017 e 2018, o aeroporto de Orly, em Paris, também viu chegar muitos portugueses. No ano passado, chegaram 7.700 lisboetas e 6.500 portuenses a Paris, enquanto que no ano anterior chegaram 7.700 lisboetas e 5.600 portuenses.

A cidade do Porto também foi uma das mais apetecíveis para os restantes cidadãos portugueses. Só de Lisboa partiram cerca de 7.500 passageiros no ano passado, enquanto em 2017 chegaram 6.900 lisboetas à cidade do Norte.

Também Madrid e Barcelona são cidades para onde os portugueses mais viajam na altura da passagem do ano. Em 2017 e 2018 viajaram 14.800 lisboetas e 8.100 portuenses para Madrid, sendo que para Barcelona partiram 9.700 lisboetas.

O aeroporto de Heathrow, em Londres, também é concorrido todos os anos por portugueses. Nos dois anos anteriores, partiram de Lisboa um total de 9.300 lisboetas.

Apesar do número de passageiros ir variando entre os anos em análise, os destinos favoritos dos portugueses continuam a verificar-se os mesmos. Assim, estima-se que os destinos preferidos dos portugueses para passar o ‘réveillon’ continuem a ser os mesmos que nos dois anos anteriores.

Relacionadas

Passagem de ano em Lisboa atrai turistas italianos, brasileiros e egípcios

84% das propriedades que a plataforma GuestReady gere em Lisboa já estão reservadas para a Passagem de Ano. O Inverno pouco rigoroso e as temperaturas amenas atraem os visitantes que escolhem desfrutar das festividades na capital.

PremiumPassagem de Ano: Opções para quem sabe por que não fica em casa

Todos os géneros de música, fogo de artifício e exercícios de nostalgia destacam-se entre as alternativas de “réveillon” ainda disponíveis a poucos dias da última noite de 2019. Há programas para todos os gostos, para todos os bolsos e em todas as regiões de Portugal.
Recomendadas

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta quinta-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta quinta-feira.

Sindicato dos Jornalistas critica ministro do Ambiente

Em causa está a recusa em prestar comentários aos jornalistas durante a 5.ª edição do Portugal Mobi Summit.

Revista de imprensa nacional: as notícias que estão a marcar esta quinta-feira

“Há mais hospitais a falhar tempos de espera para consultas de saúde mental”; “Máfia dos passaportes na mira da Polícia”; “Nigéria falha quatro entregas de gás natural a Portugal”
Comentários