Ricardo Salgado viaja para a Suíça no natal

A justiça foi informada da viagem do ex-banqueiro, à semelhança do que aconteceu em anos anteriores.

O antigo presidente do Banco Espírito Santo, Ricardo Salgado, viajou até à Suíça onde se irá encontrar com a família, nomeadamente com a filha, genro e netos, para passar o Natal, segundo avança esta segunda-feira, dia 20 de dezembro, o “Jornal de Notícias”.

Segundo apurou o JN, a Justiça foi informada da viagem do ex-banqueiro, à semelhança do que aconteceu em anos anteriores, precisamente pelo mesmo motivo, o Natal. Ainda assim, o ano passado Salgado deslocou-se no verão até à Sardenha, em Itália, onde esteve a “descansar”, no âmbito de uma lei que autoriza os arguidos com mais de 70 anos a não marcar presença em tribunal, devido aos riscos associados à pandemia.

Ricardo Salgado é arguido em três crimes de abuso de confiança, devido a alegadas transferências de mais de 10 milhões de euros no âmbito da “Operação Marquês”. Já em outubro deste ano, o coletivo de juízes encarregue pelo caso recusou a suspensão do processo, após a defesa ter sustentado que Salgado sofre de Alzheimer.

Recomendadas

Emitido mandado de detenção para Vale e Azevedo

O Tribunal Judicial da Comarca de Lisboa emitiu hoje um mandado de detenção para o antigo presidente do Benfica João Vale e Azevedo, alegando que se recusa a comparecer perante o juiz.

Advogados do caso BES querem Supremo a decidir pela manutenção de Ivo Rosa no processo

Na terça-feira a providência 24/22, deu entrada no Supremo e ficou decidido como relator o juiz conselheiro Manuel Capelo, segundo a “TSF”.

Operação Lex. Advogado diz que Luís Filipe Vieira “não cometeu crime nenhum”

O ex-presidente do Benfica Luís Filipe Vieira “não cometeu crime nenhum” no caso Operação Lex, defendeu hoje o advogado Raul Soares da Veiga antes da primeira sessão da fase de instrução do processo no Supremo Tribunal de Justiça (STJ).
Comentários