RSI: Mais 516 pessoas e 338 famílias beneficiaram em setembro

Mais 516 pessoas beneficiaram do Rendimento Social de Inserção (RSI) em setembro, face a agosto, totalizando 210.065 pessoas, um aumento de 0,2%, segundo dados da Segurança Social hoje divulgados.

Comparando com setembro de 2016, houve menos 4.764 pessoas a receber esta prestação social, o que representa uma descida de 2,2%, adiantam as estatísticas do Instituto da Segurança Social (ISS) publicadas no seu ‘site’.

Em setembro de 2017, os beneficiários com menos de 18 anos representaram 32,1% do total, enquanto os que têm idades entre os 30 e os 39 anos totalizavam 11,5 por cento.

Os beneficiários com idades entre os 40 e os 49 anos representavam 15,3% do total e com 50 e mais anos 26,1%, refere o Gabinete de Estratégia e Planeamento (GEP) na Síntese de Informação Estatística da Segurança Social, que acompanha os dados do ISS,

Por beneficiário, a prestação média de RSI foi de 111,94 euros em setembro de 2017, 0,2% acima do valor revisto de agosto (111,76 euros).

Face a setembro de 2016, verificou-se uma subida de 0,3% uma vez que, no período homólogo, a prestação média foi de 111,64 euros, adianta o GEP.

O valor médio de RSI, por família, foi de 253,98 euros, registando-se descidas de 0,1% referente ao mês anterior e 0,2% quando analisado setembro de 2016.

A maior parte dos beneficiários reside no distrito do Porto (61.624), seguido do distrito de Lisboa (37.064), de Setúbal (18.287) e dos Açores (17.670).

Recomendadas

Consumo de gás natural recua 5,7% em novembro

“No mercado de gás natural, a tendência de redução de consumo manteve-se este mês [novembro], com uma taxa homóloga negativa de 5,7%, com uma quebra marginal de 0,7% no segmento de produção de energia elétrica e um recuo de 9,6% no segmento convencional”, indicou a gestora dos sistemas nacionais elétrico e de gás natural.

SNS24 atendeu em novembro 194 mil chamadas e encaminhou 56 mil doentes para urgências

Apesar deste aumento de chamadas para o Centro de Contacto do Serviço Nacional de Saúde (808 24 24 24), estes números ainda estão abaixo dos picos do período pandémico, referem os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS) numa resposta enviada à Lusa.

JMJ Lisboa será um “mega fenómeno”, diz secretário-geral da Segurança Interna

O secretário-geral do SSI sublinhou que “ainda é cedo para uma estimativa” sobre o número de pessoas que vão estar presentes no país, mas “a experiência aponta para ser um mega fenómeno e mega evento com uma grande circulação de pessoas”.
Comentários