Rui Barreto quer tratamento semelhante para os lesados do Banif e do BES

O deputado do CDS-PP na Assembleia Regional diz que tem havido pouca transparência na forma como a Oitante, o veículo financeiro que ficou com os ativos do Banif, tem feito a gestão desse património.

O deputado do CDS-PP na Assembleia da Madeira, Rui Barreto, quer saber o que está a ser feito ao produto das vendas dos ativos e do património imobiliário do Banif, e que os lesados deste banco devem ter no mínimo um tratamento semelhante aos dos BES.

“É muito importante que o governo que é a quem cabe a decisão de encontrar uma boa solução para os lesados do Banif que essa decisão seja pelo menos a mesma encontrada para os lesados do BES”, afirma Rui Barreto.

Rui Barreto diz que a posição dos centristas da madeira é que a comissão arbitral e também o relatório elaborado pela comissão de finanças da Assembleia da República recomende ao governo que encontre “uma solução pelo menos idêntica à do BES” para os lesados do Banif.

“Tem havido pouca transparência na forma como a Oitante, o veículo financeiro que ficou com ativos do Banif, a tem feito a gestão desse património”, destaca o deputado do CDS-PP.

Rui Barreto realça que não se sabe qual é o produto da “venda do património imobiliário do banif”, qual o valor “da recuperação desses créditos”, que no entender do deputado do CDS-PP devem concorrer para proceder “ao pagamento aos obrigacionistas”.

“Não sabemos da venda do património de empresas como o Banif Investimento, como a Açoreana, quanto está a arrecadar”, questiona mas “que estão a ter mais valias”, sublinha Rui Barreto.

Rui Barreto realçou que o valor dessa receita arrecadada pela Oitante “tem que sair” para garantir ao fundo de recuperação de créditos dos lesados do Banif.

Recomendadas

Madeira: ACIF participa na quinta reunião transnacional do projeto BLUE-TEC

O projeto visa promover o crescimento inteligente do turismo náutico e costeiro da Macaronésia.

PSD/Açores disponível para novo modelo de financiamento dos bombeiros

O deputado regional social-democrata Luís Soares considerou necessário “saber como funcionam os mecanismos de acesso aos fundos comunitários, mantendo uma porta direta pelos bombeiros, em vez das candidaturas serem elegíveis somente através das câmaras municipais”.

Madeira: Vacinação contra a Covid-19 passa a ser sazonal e decorre em simultâneo com a vacinação contra a gripe

Estas duas vacinas sazonais, contra a gripe e contra a Covid-19, podem ser administradas no mesmo momento, “sendo consensual que a vacinação é segura e igualmente eficaz”, indica a  Direção Regional de Saúde.
Comentários