Rússia: Comissão Eleitoral rejeita candidatura de principal opositor de Putin às eleições de 2018

A decisão da Comissão Eleitoral surge um dia depois de vários apoiantes de Alexei Navalny terem saído às ruas em a exigir que este possa ser candidato às próximas eleições no país.

Alexei Druzhinin/Reuters

A Comissão Eleitoral russa rejeitou esta segunda-feira a candidatura de Alexei Navalny, o principal opositor do presidente da Rússia, Vladimir Putin, às presidenciais de março de 2018 no país. A rejeição da candidatura foi aprovada por unanimidade pela Comissão, dada a condenação judicial a que Alexei Navalny foi sujeito e que o opositor de Vladimir Putin diz ter sido “fabricada”.

A decisão da Comissão Eleitoral surge um dia depois de vários apoiantes de Alexei Navalny terem saído às ruas em a exigir que este possa ser candidato às próximas eleições no país. Alexei Navalny é conhecido por ser um dos rostos mais críticos da governação de Vladimir Putin, que acusa de crimes de corrupção e abuso de poder, mas está impedido de se apresentar a eleições até pelo menos ao ano de 2028.

Só este ano, Alexei Navalny foi preso três vezes por organizar protestos não autorizados no país.

Vladimir Putin é favorito na corrida às presidenciais do próximo ano. Se ganhar as eleições do próximo ano, Vladimir Putin vai dar início a um quarto mandato como presidente da Rússia.

Relacionadas

Russos querem principal opositor de Vladimir Putin a concorrer às presidenciais de 2018

Os protestos a favor de Alexei Navalny, o principal opositor do presidente da Rússia, surgiram um dia depois de Vladimir Putin ter recebido o apoio do partido Rússia Unida para as eleições de 18 de março do próximo ano.
Recomendadas

Rússia apoderou-se formalmente da central nuclear de Zaporijia

A central de Zaporijia, a maior central nuclear da Europa, está nas mãos das tropas russas desde o início de março.

Primeira-ministra dinamarquesa convoca eleições antecipadas para novembro

O Partido Social Liberal, uma das formações que dá maioria ao Governo social-democrata, tinha ameaçado Frederiksen com uma moção de censura se não convocasse eleições, após apresentar em junho um relatório crítico sobre a gestão feita pelo executivo em relação ao abate de milhões de visons, devido a uma mutação do coronavírus.

Prémio Nobel da Química para 3 cientistas responsáveis química ‘bioorthogonal’

O termo química ‘bioorthogonal’ refere-se a qualquer reação química que pode ocorrer dentro de sistemas vivos sem interferir nos processos bioquímicos nativos. O termo foi cunhado por Carolyn R. Bertozzi em 2003.
Comentários