Santana Lopes não se candidata a Lisboa

O provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML) e ex-presidente da câmara de Lisboa não se vai voltar a candidatar à presidência da autarquia, noticiou o jornal Expresso.

Segundo a edição online do semanário, a decisão foi comunicada na quarta-feira ao ex-primeiro ministro e atual presidente do PSD, Pedro Passos Coelho, e transmitida hoje ao presidente da concelhia de Lisboa do PSD, Mauro Xavier, ao líder da distrital, Miguel Pinto Luz, e ao coordenador autárquico do PSD, Carlos Carreiras.

O Expresso adianta que Santana Lopes pretende prosseguir o seu trabalho como provedor na SCML, cujo mandato se prolonga até 2019.

O jornal cita uma entrevista que vai ser publicada no próximo sábado e em que Santana Lopes fala dos projetos que quer concretizar na segunda fase do seu mandato e admite que o atual presidente, Fernando Medina, não será um candidato fácil de derrotar, garantindo, no entanto, que não foram as sondagens a desmotivá-lo de uma candidatura.

Recomendadas

OE2023: PAN critica “rumo de desvalorização salarial” da função pública

A porta-voz do PAN criticou hoje a proposta de aumentos salariais para a função pública, apontando um “rumo de desvalorização salarial” e alertando que os funcionários públicos “viverão com menos recursos” no próximo ano.

Marcelo assume contacto a José Ornelas para lhe dizer que envio de denúncia “não foi pessoal”

O Presidente da República assumiu hoje que teve a iniciativa de contactar o bispo José Ornelas para lhe dizer que “não foi pessoal” a denúncia contra ele que encaminhou para o Ministério Público.

OE2023: Iniciativa Liberal vai insistir no desagravamento de vários impostos

O líder da Iniciativa Liberal (IL) disse hoje, em Coimbra, que o partido vai apresentar cerca de uma dúzia de propostas de alteração ao Orçamento de Estado para 2023, que visam o desagravamento de vários impostos.
Comentários