Santarém Retail Park reabre com primeira loja Mercadona na região

O centro comercial regressa com uma nova imagem. Além do supermercado, vai apresentar lojas das mais diversas áreas, estando ainda prevista a abertura de outros quatro estabelecimentos.

Santarém Retail Park

O Santarém Retail Park vai reabrir com uma nova imagem na próxima terça-feira, dia 2 de Agosto. O centro comercial vai disponibilizar o primeiro supermercado Mercadona na região, de acordo com a informação transmitida em comunicado.

O novo estabelecimento da Mercadona vai ser o 35.º em Portugal, estando planeada a abertura de mais quatro supermercados até final do ano, em Viseu, Caldas da Rainha, Santa Maria da Feira e Oeiras.

A Mitiska REIM, atual proprietária, está a implementar um plano de iniciativas value-add e rebranding do ativo. Em causa está a criação de um “destino de conveniência para todos os consumidores e um retail park ancorado por um supermercado”, diz-se no mesmo comunicado. Outro objetivo é reforçar a “colaboração estreita com o Município, apoiando os Bombeiros Voluntários de Santarém” durante esta altura crítica de incêndios em Portugal.

O regresso do Santarém Retail Park vai ter lugar na terça feira, a partir das 10 horas.

Recomendadas

PremiumGestores bancários sem tarimba a gerir períodos inflacionários

Estudo sobre o sector bancário europeu feito pela consultora estratégica Oliver Wyman considera que as instituições financeiras podem não estar preparadas para os impactos do aumento da inflação e do abrandamento da economia na atividade.

Alojamento local em expansão no Douro ajuda a diversificar oferta turística

O alojamento local no Douro está em expansão e contribui para a diversificação da oferta turística neste território, existindo atualmente 714 unidades em atividade.

TAP nega acusação do sindicato dos pilotos e diz que gasta menos com alugueres face a 2018 e 2019

O Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) acusou, esta quarta-feira, a gestão da TAP de “desperdiçar” as receitas do verão com “milhões de erros” ao longo do ano, como a contratação externa de serviços.
Comentários