Seis mortos em colisão de dois aviões em espetáculo aéreo nos Estados Unidos

Vários vídeos publicados nas redes sociais mostraram o momento da colisão.

Seis pessoas morreram devido à colisão de dois aviões militares históricos, no sábado, durante um espetáculo aéreo em Dallas, nos Estados Unidos, informaram as autoridades.

“De acordo com o médico legista do condado de Dallas, há um total de seis mortes no acidente de sábado, no espetáculo aéreo ‘Wings over Dallas’ (Asas sobre Dallas)”, escreveu este domingo no Twitter o juiz do condado de Dallas, Clay Jenkins, acrescentando que as autoridades continuam a trabalhar para identificar as vítimas.

O Boeing B-17 Flying Fortress e um Bell P-63 Kingcobra colidiram e despenharam-se cerca das 13h20 locais, de acordo com um comunicado da Administração Federal de Aviação, citado pela Associated Press (AP).

Vários vídeos publicados nas redes sociais mostraram o momento da colisão.

Em 2011, onze pessoas morreram em Reno, Nevada, quando um P-51 Mustang colidiu com espetadores. Em 2019, um bombardeiro caiu em Hartford, Connecticut, matando sete pessoas.

Segundo a AP, as autoridades já investigaram mais de 20 acidentes ocorridos desde 1982, envolvendo bombardeiros da Segunda Guerra Mundial, os quais resultaram em 23 mortes.

Recomendadas

Desflorestação na Amazónia cai pela primeira vez no Governo de Bolsonaro

A Amazónia brasileira perdeu 11.568 km2 de cobertura vegetal entre agosto de 2021 e julho de 2022, menos 11,3% que a devastada no ano anterior. É a primeira redução do desmatamento desde que Jair Bolsonaro chegou ao poder.

Israel: Netanyahu garante que vai manter a controlo sobre a extrema-direita

Primeiro-ministro designado insiste que os radicais com que formará governo não vão tomar o poder nas suas mãos. “Israel não será governado pelo Talmud”. A incógnita é o que acontecerá com o seu julgamento por corrupção.

Parlamento alemão define como genocídio a “grande fome” na Ucrânia

O parlamento alemão aprovou uma resolução que define de genocídio o ‘Holodomor´’, a “grande fome” que atingiu a Ucrânia em 1932-1933 e que terá vitimado mais de três milhões de ucranianos.
Comentários