Semana Global do Empreendedorismo em Portugal regista excelente desempenho na Europa

O esforço, realizado pela Global Entrepreneurship Network Portugal, e os resultados alcançados foram reconhecidos pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, que premiou a Semana Global do Empreendedorismo em Portugal.

A Semana Global do Empreendedorismo 2016 em Portugal contou com 118 eventos e 39 parceiros. Graças isso, bateu o recorde de iniciativas realizadas, no âmbito da Global Entreprerneurship Week, a celebração mundial dos inovadores e criadores de emprego que lançam startups, em edições anteriores e regista um dos melhores desempenhos a nível europeu, encontrando-se em 7º lugar no ranking dos países com mais eventos e em 5º lugar dos que envolveram mais parceiros.
O esforço realizado pela Global Entrepreneurship Network Portugal, plataforma de programas e iniciativas, e os resultados alcançados tiveram o reconhecimento do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, que premiou a Semana Global do Empreendedorismo em Portugal. Um representante da Fundação Kauffman, fundação privada com o objetivo de fomentar uma sociedade de indivíduos economicamente independentes, marcou presença na SGE Portugal 2016, tendo estado envolvido em diversas atividades.
Composta por uma rede de parceiros, que vão desde universidades, incubadoras, aceleradoras, redes de business angels e fundos de capital de risco, a Semana Global do Empreendedorismo em Portugal apresenta eventos no país, de Braga a Faro, com especial enfoque na diversidade geográfica e descentralização dos pólos de empreendedorismo.
“O número de atividades ligadas ao empreendedorismo em Portugal, bem como o interesse demonstrado pelas entidades envolvidas e participantes é notável. A Global Entrepreneurship Network Portugal vai começar, em breve, a acolher, conectar e apoiar iniciativas numa lógica anual”, considera Ana Barjasic, diretora-geral da GEN Portugal.
Recomendadas

Incubadora de Coimbra lidera consórcio para agilizar testes de tecnologias na saúde

O Instituto Pedro Nunes (IPN), de Coimbra, vai liderar o consórcio nacional de um projeto europeu que pretende agilizar o processo de certificação e testes de tecnologia baseada em inteligência artificial e robótica na área da saúde.

Startup de “hackers bons” Immunefi capta 24 milhões

A empresa de Singapura, cujo CEO reside em Portugal, fechou uma ronda de investimento ‘série A’ encabeçada pela norte-americana Framework Ventures. Em menos de dois anos encaixou quase 30 milhões em capital de risco à conta da caça aos ‘bugs’ na blockchain.

Codacy levanta 15 milhões em ronda liderada pela unidade de investimento da Sonae (com áudio)

Além da Bright Pixel Capital, as sociedades de capital de risco Armilar Venture Partners, Faber Ventures, Join Capital, Caixa Capital, EQT Ventures e Iberis Capital também estiveram envolvidas no investimento.
Comentários