Sérgio Figueiredo contratado para consultor de Fernando Medina

O contrato estende-se por dois anos e Sérgio Figueiredo deverá receber um ordenado equiparado ao de um ministro.

Antigo administrador da Fundação EDP e ex-diretor de informação da TVI, Sérgio Figueiredo foi contratado para ser consultor de Fernando Medina, ministro das Finanças, para as políticas públicas.

Segundo o “Jornal de Negócios‘, Sérgio Figueiredo vai assessorar o Ministério das Finanças na “auscultação dos stakeholders relevantes na economia portuguesa” e prestação de serviços de consultoria especializada.

Por sua vez, o “Público” diz que o contrato, por ajuste direto, estende-se por dois anos, durante os quais Sérgio Figueiredo terá um ordenado equiparado ao vencimento mensal base dos ministros, ou seja, 4.767 euros.

Além de ter sido administrador da Fundação EDP e diretor de informação da TVI, Sérgio Figueiredo foi também diretor do Jornal de Negócios e apresentador do programa semanal Negócios à Parte da RTP 2.

Recomendadas

Grupo Stellantis e DST Solar nas Agendas Mobilizadoras

A inovação verde para a indústria automóvel passa pelas Agendas Mobilizadoras. O ISQ&CTAG irá investir 6,2 milhões de euros.

TAAG recebe aviso de greve dos pilotos com início a 7 de outubro

O Sindicato de Pilotos de Linha Aérea (SPLA) decretou uma greve a partir de 7 de outubro, tendo já sido enviado o aviso de greve à TAAG – Linhas Aéreas de Angola na sexta-feira, anunciou este sábado a companhia aérea angolana.

Infraestruturas de Portugal registou lucro de 32,4 milhões no primeiro semestre

Este valor significa uma recuperação de 71,3 milhões de euros em comparação com os prejuízos de 38,9 milhões de euros verificados no mesmo período de 2021.
Comentários