Setor metalúrgico e metalomecânico com melhor resultado mensal de sempre em exportações

O setor metalúrgico e metalomecânico exportou, no passado mês de outubro, cerca de 1400 milhões de euros, registando assim o valor mais elevado de sempre nas exportações da indústria. Este valor representa um crescimento de 24% face ao período homólogo do ano anterior. Para Rafael Campos Pereira, vice-presidente da AIMMAP, “Estes números demonstram que este […]

O setor metalúrgico e metalomecânico exportou, no passado mês de outubro, cerca de 1400 milhões de euros, registando assim o valor mais elevado de sempre nas exportações da indústria. Este valor representa um crescimento de 24% face ao período homólogo do ano anterior.

Para Rafael Campos Pereira, vice-presidente da AIMMAP, “Estes números demonstram que este setor é um pilar fundamental para as exportações portuguesas onde Portugal é pioneiro na área do desenvolvimento e inovação. Este está a ser um ano único para o setor metalúrgico e metalomecânico que está a consolidar uma trajetória claramente ascendente na evolução das suas vendas ao exterior”.

De acordo com os dados recolhidos pela AIMMAP (Associação dos Industriais Metalúrgicos, Metalomecânicos e Afins de Portugal), o setor metalúrgico e metalomecânico atingiu os 1389 milhões de euros de exportações, o que corresponde a um aumento de 17,4% face a setembro e a 24% em relação a outubro de 2013.

A União Europeia continua a ter um peso muito significativo no crescimento do setor, correspondendo a 67% das exportações nacionais. Face a outubro de 2013, as exportações para a União Europeia aumentaram cerca de 15,8%.

O mês de outubro mostrou-se também bastante positivo para o segmento “fora da Europa”. O peso percentual das vendas para os países exteriores à União Europeia ascendeu cerca de 45%, face ao período homólogo do ano anterior. Os países com maior contributo foram Angola, China, EUA, Marrocos, Moçambique, Venezuela e Colômbia.

OJE/Lusa

Recomendadas

UE e NATO acreditam que sabotagem causou fugas nos gasodutos Nord Stream

O secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, atribuiu nesta quarta-feira as falhas no Nord Stream a atos de sabotagem e disse ter discutido a proteção da infraestrutura crítica nos países da NATO com o ministro dinamarquês da Defesa. Também UE fala de sabotagem.

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta quarta-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta quarta-feira.

Portugal atrativo para investir, China atenta a transportes e ambiente, revela relatório

Portugal é um país atrativo para se investir no desenvolvimento de infraestruturas e a China está atenta a projetos e eventuais contratos na área dos transportes e do ambiente, segundo um relatório hoje divulgado em Macau.