Sonae antecipa pagamentos a fornecedores com práticas sustentáveis

O acordo beneficiará inicialmente os fornecedores do Continente, da Worten, da MO e da Zippy, e será um passo para os “encorajar e consciencializar para práticas de sustentabilidade”. Linha de financiamento será de 50 milhões de euros.

A Sonae estabeleceu um acordo com o Banco Santander que vai permitir aos fornecedores do grupo abrangidos por este acordo anteciparem os seus recebimentos em condições vantajosas, tendo em conta critérios de sustentabilidade. A solução implementada, que antecipa pagamentos até um máximo de 50 milhões de euros, pioneira na Península Ibérica, vai garantir, diz o grupo em comunicado, “condições mais vantajosas para os fornecedores com melhor desempenho em indicadores ambientais, sociais e de governo corporativo (ESG), estando alinhada com os objetivos de desenvolvimento sustentável da Sonae”.

De modo a auxiliar os seus fornecedores na gestão da sua tesouraria, “a Sonae tem implementados acordos com instituições financeiras no âmbito dos quais estes podem celebrar livremente acordos que lhes permitem a antecipação de faturas”. O novo protocolo de confirming acordado com o Banco Santander vai garantir, adicionalmente, “que aqueles que apresentem um bom desempenho em indicadores ESG obtenham ainda melhores condições”.

João Dolores, CFO da Sonae, afirma, citada pelo comunicado, que “aa Sonae vemos os nossos fornecedores como parceiros com quem percorremos um caminho comum, nomeadamente na implementação de formas sustentáveis de utilização dos recursos e na promoção de soluções inovadoras para os desafios ambientais e sociais que, juntos, enfrentamos na cadeia de valor. Este protocolo de confirming com base em critérios ESG é uma forma de premiar esse trabalho e reconhecer financeiramente as melhores práticas”.

A classificação de desempenho ESG dos fornecedores será feita de forma independente com apoio da EcoVadis, uma plataforma global líder na avaliação da performance de sustentabilidade de empresas. “O acordo beneficiará inicialmente os fornecedores do Continente, da Worten, da MO e da Zippy, e será um importante passo para encorajar e consciencializar os seus fornecedores para a relevância cada vez maior de incorporar práticas de sustentabilidade nas suas operações, retirando um benefício financeiro relevante dessa incorporação”.

Recomendadas

CEO da Electronic IDentification: “Estivemos quase a desaparecer duas ou três vezes”

Iván Nabalón, fundador e CEO da Electronic IDentification, conta ao JE como quer aumentar os clientes digitais dos bancos e seguradoras.

Uberização do mercado das entregas deverá continuar a crescer

Empresas que trabalham para o sector da logística e transporte acreditam que a concorrência das plataformas digitais veio para ficar.

Navigator paga dividendo de 0,1406 euros por ação a 7 de junho

A partir do dia 3 de junho (inclusive), as ações serão transacionadas em mercado regulamentado sem conferirem direito ao dividendo, diz a empresa.
Comentários