Sonangol quer dispersar capital em bolsa

Sebastião Gaspar Martins, presidente da petrolífera angolana, afirma ainda que as participações acionistas na Galp Energia e no BCP são “investimentos estratégicos”.

O presidente da Sonangol, revelou, em entrevista ao “Jornal de Negócios”, que tem a intenção de dispersar capital da empresa em bolsa. Sebastião Gaspar Martins refere também que a petrolífera angolana está a rever o seu modelo de negócio, mas quer permanecer como acionista da Galp Energia e do BCP.

Em declarações ao diário de economia, o gestor adianta que, para o período 2017-2019, a Sonangol prevê uma média anual de investimentos na ordem dos 2 mil milhões de dólares (cerca de 1,8 mil milhões de euros) por ano. “Embora a produção de petróleo em Angola esteja em declínio, o mesmo não acontece com a quota-parte da produção titulada pela Sonangol, que em 2018 cresceu 5%”, sublinhou o presidente da petrolífera de Angola.

Segundo Sebastião Gaspar Martins, as participações acionistas na Galp Energia e no BCP são investimentos estratégicos a manter. “A Sonangol tem um contacto permanente com o BCP e, neste momento, não há qualquer alteração na nossa posição”, referiu em relação ao banco liderado por Miguel Maya. Já sobre a petrolífera nacional assegurou, na mesma entrevista: “A Sonangol não tem motivos para sair da Galp, que apresenta bons resultados, está muito bem cotada e representa um ativo na carteira de participações e de investimentos que a Sonangol possui”.

PremiumSonangol procura comprador para edifício em Lisboa que pode valer 60 milhões

Sonangol não quer sair do BCP

Sonangol abandona Biocom no próximo ano

Recomendadas

“Nem eu nem a FPF quisemos criar esquema para iludir a AT”, defende selecionador sobre empresa que detém

Fernando Santos pretendia a anulação de liquidação de IRS no valor de cerca de 4 milhões de euros, verba relativa aos anos 2016 e 2017, sabe o JE. O contrato celebrado entre o selecionador e a FPF foi efetuado através de uma empresa, sendo que o respetivo IRC já foi liquidado.

NOS avança com dados móveis ilimitados nos novos cartões móveis com pagamento em fatura

“A NOS oferece dados móveis ilimitados até ao final do ano a todos os clientes com novos cartões móveis com pagamento em fatura”, refere a operadora em comunicado.

Explorer atribui bolsas de mérito a estudantes da Nova SBE. Vai doar 10% do lucro a programas de educação

A parceria surge no âmbito da política de investimento responsável da Explorer Investments, que vai doar anualmente 10 % do seu lucro para apoiar programas de educação e que tem por base o mérito e a excelência.
Comentários