TAP congratula-se com cancelamento da greve (com áudio)

Em comunicado a TAP “congratula-se com a decisão de cancelamento da greve de Tripulantes de Cabina, hoje tomada em Assembleia Geral do SNPVAC, que vai permitir que a Companhia cumpra todas as expectativas criadas aos passageiros que confiaram na TAP para realizar as suas viagens”.

Cristina Bernardo

Em comunicado a TAP “congratula-se com a decisão de cancelamento da greve de Tripulantes de Cabina, hoje tomada em Assembleia Geral do SNPVAC, que vai permitir que a Companhia cumpra todas as expectativas criadas aos passageiros que confiaram na TAP para realizar as suas viagens”.

Recorde-se que os tripulantes de cabine decidiram hoje aceitar a proposta da TAP e desconvocar a greve marcada para o período entre 25 e 31 de janeiro, disse à Lusa fonte oficial do Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC).

“Esta decisão conduz a uma nova etapa na vida da TAP, reabrindo a negociação do novo Acordo de Empresa, juntando agora todos os sindicatos representativos dos trabalhadores da TAP, na busca de um equilíbrio que permita cumprir os termos do Plano de Restruturação. Assegurados ficam também os interesses de todos os envolvidos, na prossecução do caminho que nos conduzirá à necessária estabilidade, sustentabilidade e crescimento da empresa”, avança a empresa liderada por Christine Ourmières-Widener.

A Comissão Executiva da TAP iz que se empenhou “totalmente nas negociações com o SNPVAC, de forma que este desfecho fosse possível, e vai manter esta abertura e diálogo com todas as estruturas representantes dos trabalhadores”.

“A operação da TAP mantém-se sem qualquer alteração e todos os compromissos assumidos com os nossos Clientes serão respeitados, numa demonstração inequívoca de que todos os seus profissionais estão fortemente empenhados na defesa e desenvolvimento da TAP”, conclui a companhia.

 

Relacionadas

TAP. Tripulantes aceitam proposta da companhia e decidem desconvocar greve

Os tripulantes de cabine decidiram hoje aceitar a proposta da TAP e desconvocar a greve marcada para o período entre 25 e 31 de janeiro, disse à Lusa fonte oficial do Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC).

Alexandra Reis não tem obrigação de devolver indemnização de 500 mil euros (com áudio)

Mesmo que a IGF declare a indemnização ilegal, a ex-Secretária de Estado do Tesouro não é obrigada a reconstituir o dinheiro que lhe foi pago para acertar contas da sua saída na TAP.
Recomendadas

Premium“Vamos continuar a trabalhar as duas marcas em separado”

Neves e Almeida e CEGOC vão trabalhar em autonomia e com equipas de gestão próprias, mantendo a identidade de cada marca.

Moçambique/Ataques: TotalEnergies pede avaliação a especialista humanitário

A petrolífera quer saber se há condições para retomar o projeto de exploração de gás que estava a construir na região.

CP alerta para perturbações na circulação entre 8 e 17 de fevereiro devido a greves

A empresa indicou também que a informação será atualização, caso venham a ser definidos serviços mínimos pelo Tribunal Arbitral.
Comentários