TAP encomenda 71 aviões com valor de mercado de 10 mil milhões

A renovação da frota passou de 53 novos aviões, no final de 2015, para os 71 atuais, num reforço de investimento significativo. Noutra frenter, o Sindicato dos Pilotos foi ontem mandatado pelos associados para negociar com a administração.

Paulo Whitaker/Reuters

A TAP já encomendou à Airbus 71 aviões novos desde que foi concluído o processo de privatização da transportadora aérea, em novembro de 2015. No dia a seguir ao fecho do novo contrato de privatização da TAP, em que o Estado manteve a maioria do capital, mas em que os acionistas privados liderados por David Neeleman e Humberto Pedrosa asseguraram o controlo da gestão da empresa, a Atlantic Gateway tornou pública a encomenda firme de 53 aviões à Airbus: 15 A320neo, 12 A321neo, 12 A321LR (Long Range, ou longo curso) e 14 A330-900neo.

Artigo publicado na edição semanal do Jornal Económico. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor 

Recomendadas

TAP: Serviços mínimos para greve abrangem países lusófonos e comunidades portuguesas

Os serviços mínimos para a greve dos tripulantes de cabine da TAP, marcada para quinta e sexta-feira, abrangem as regiões autónomas, os países lusófonos e zonas com emigrantes portugueses, segundo um acórdão hoje publicado.

Caixa realiza Simulacro anual no edifício Sede

“O exercício teve a participação de 3 mil pessoas que se encontravam no edifício à hora do simulacro”, diz a CGD.  

Sindicato diz que contraproposta de aumentos salariais da Altice fica aquém do pretendido

A proposta da Altice consiste num aumento de 2% para valores base abaixo de 1.300 euros, garantindo um vencimento mínimo de 800 euros e de 1% para valores base entre os 1.300 euros e os 2.300 euros.
Comentários