TAP está a contratar tripulantes de bordo. Candidaturas até 1 de fevereiro

Dias antes da greve convocada entre os dias 25 e 31 de janeiro, a TAP decide divulgar o processo de candidaturas para a contratação de novos tripulantes de cabine.

A  TAP anunciou, no site da empresa, que pretende contratar, a termo certo, novos tripulantes de bordo.

O anúncio aponta que o candidato a tripulante de bordo é precisa de ter uma “altura mínima de 1,60m e máximo de 1,90m”. O candidato tem de ter pelo menos o secundário concluído ou “equivalente oficial reconhecido pelo Ministério da Educação Português” e ter um bom domínio do português, bem como do inglês.

A TAP pretende candidatos com “apresentação adequada e cuidada, ausência de tatuagens e piercings em zonas visíveis; conhecimentos de informática na ótica do utilizador”.

No entanto, se não sabe nadar esta proposta não é para si. A companhia aérea nacional pretende candidatos que saibam “nadar sem auxílio de flutuadores ou outros dispositivos”, um requisito devido às possíveis emergências. A TAP também tem preferência por candidatos que não sejam fumadores.

No anúncio não é feita qualquer menção a remuneração que estes candidatos venham a ter, mas a companhia aérea pede ainda que estas pessoas sejam “proativas, assertivas e com resistência ao stress”.

Quem se pretender candidatar tem de se registar no site da TAP, na área de concursos, e entregar alguns documentos como o currículo, cartão cidadão e o Certificado Habilitações Académicas. As inscrições estão disponíveis até 1 de fevereiro.

A 9 de janeiro, os tripulantes de cabine da TAP anunciaram sete dias de greve entre os dias 25 e 31 de janeiro. As greves surgiram depois da assembleia-geral dos associados do Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC) ter aprovado, a 6 de dezembro, à realização de “um mínimo de cinco dias de greve a realizar até dia 31 de janeiro”.

Segundo a “SIC Notícias”, a TAP está a tentar negociar com o Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC) para travar a greve convocada entre os dias 25 e 31 deste mês e admite rever a proposta do sindicato.

Recomendadas

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta quarta-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta quarta-feira.

Compra da Activision pela Microsoft levanta dúvidas ao regulador britânico

O regulador britânico publicou esta quarta-feira a sua decisão provisória sobre a compra da Activision pela Microsoft, avança a “CNBC”, afirmando que a aquisição pode resultar em preços mais elevados, menos opções e menos inovação.

Grandes petrolíferas dobraram lucros e atingem recorde

Lucros e dividendos a atingirem novos recordes, dívida a reduzir e investimento a aumentar. Grandes petrolíferas ocidentais registaram um bom ano de 2022.
Comentários