Teixeira Duarte, PT e Galp pressionan PSI20 que cai 0,39%

A empresas Teixeira Duarte, Portugal Telecom e Galp Energia estão hoje a pressionar em baixa o índice PSI20 da Bolsa de Lisboa, que, às 08h50, caía 0,39%, para 4.901,84 pontos. Das 18 cotadas no índice, 11 caíam, seis subiam e uma, o Banif, mantinha-se inalterada nos 0,0061%, no primeiro dia de uma semana pouco movimentada […]

A empresas Teixeira Duarte, Portugal Telecom e Galp Energia estão hoje a pressionar em baixa o índice PSI20 da Bolsa de Lisboa, que, às 08h50, caía 0,39%, para 4.901,84 pontos.

Das 18 cotadas no índice, 11 caíam, seis subiam e uma, o Banif, mantinha-se inalterada nos 0,0061%, no primeiro dia de uma semana pouco movimentada por ser curta com o feriado de 1 de janeiro, período que é aproveitado pelos investidores para fazerem férias.

A construtora Teixeira Duarte caía 1,89%, para 0,725 euros, liderando as quedas, seguida pelo ‘peso pesado’ Portugal Telecom que recuava 1,81%, para 0,976 euros e pela Galp que deslizava 0,82%, para 8,729 euros.

Na falta de indicadores macroeconómicos com relevo e de notícias sobre as empresas, os investidores estarão, na Europa, focados na situação política da Grécia e em alguns indicadores norte-americanos.

O setor da banca segue com o BCP a quebrar 0,28%, para 0,0713 euros e com o BPI a valorizar-se 0,19%, para 1,044 euros.

A empurrar em alta o PSI20 está a REN que sobe 0,61%, para 2,47 euros, além da Semapa que avança 0,59%, para 10,27 euros e da EDP que valoriza 0,52%, para 3,274 euros.

OJE/Lusa

Recomendadas

Comissão de trabalhadores acusa grupo Amorim de “incapacidade” para dirigir Galp por anúncio da saída do CEO sem substituto

A Comissão Central de Trabalhadores (CCT) da Petrogal acusou hoje o Grupo Amorim de incapacidade “para controlar e dirigir a Galp”, na sequência do anúncio da saída do presidente executivo, Andy Brown, no final do ano, sem anúncio de substituto.

Diretora do FMI avisa que situação económica “ainda vai piorar antes de melhorar”

“A incerteza é muito elevada”, referiu Kristalina Georgieva, destacando os efeitos da guerra, apontando que pandemia que “ainda não desapareceu” e acrescentando também que “os riscos em torno da estabilidade financeira estão a crescer”.

PSI fecha em queda em linha com Europa. EDPs lideram perdas

As bolsas europeias encerraram na sua globalidade em baixa. Já o petróleo está em rota ascendente depois de a OPEP+ ter anunciado um corte agressivo na produção. Por sua vez as ‘yields’ da dívida a 10 anos estão em alta.