Topo da Agenda: o que não pode perder nos mercados e economia esta semana

A semana fecha com a Black Friday, a celebração do consumo originada nos EUA, tendo ainda as últimas cotadas do PSI a divulgarem os seus dados do terceiro trimestre. Na vertente política, a votação da proposta do Orçamento do Estado marcará a atualidade.

Segunda-feira, 21 de novembro

Evento em destaque: Votações na especialista da proposta para o OE2023 começam hoje

Ao contrário da proposta inicial do ano passado, cuja rejeição pelos parceiros do Governo à esquerda precipitou eleições antecipadas, a desde então eleita maioria absoluta socialista garante a aprovação de uma proposta de Orçamento que não deixou de ser fortemente criticada por ambos os lados do hemiciclo. Esperam-se ainda ataques da oposição durante o debate na Assembleia sobre os vários casos junto do Executivo que têm sido tornados públicos nas últimas semanas.

Outros eventos em foco:

  • BdP: Endividamento do sector não financeiro em setembro
  • China: Novos empréstimos em outubro
  • EUA emite bilhetes do Tesouro a cinco anos

Terça-feira, 22 de novembro

Evento em destaque: OCDE atualiza projeções macroeconómicas

Depois de prever crescimento global de 3% em setembro, a OCDE atualiza as suas projeções com mais três meses de guerra a pesar na economia global e o aprofundar de uma crise energética que tem levado a inflação a valores recorde em inúmeros países europeus e nos EUA. Para Portugal, o organismo previa em junho (o relatório de setembro não continha previsões específicas para o nosso país) uma inflação de 6,3% este ano, valor que já foi largamente ultrapassado pela média desde janeiro até agora, sendo ainda de analisar possíveis recomendações quanto à política orçamental nacional.

Outros eventos em foco:

  • Canadá: Vendas a retalho em setembro
  • EUA emite bilhetes do Tesouro a sete anos
  • Resultados trimestrais: Greenvolt (Portugal)

Quarta-feira, 23 de novembro

Evento em destaque: S&P divulga dados preliminares de PMI de novembro

O ambiente da economia global é cada vez mais de recessão, com várias entidades a apontarem para sinais em inúmeros indicadores, incluindo os índices de gestores de compras de outubro. Os dados preliminares de novembro podem dar mais indícios de uma contração nas economias europeia, britânica e americanas e os mercados olharão com atenção para estes números, esperando que não apontem para grandes recuos.

Outros eventos em foco:

  • INE: Taxas de Juro Implícitas no Crédito à Habitação em outubro
  • Fed divulga atas da reunião de novembro
  • Banco Central da Nova Zelândia deve voltar a subir taxas

Quinta-feira, 24 de novembro

Evento em destaque: Altri fecha época de resultados trimestrais no PSI

Apesar do primeiro semestre fraco em Wall Street, a época de resultados trimestrais nos EUA acabou por superar as expectativas dos analistas, apesar de por uma margem consideravelmente menor do que em trimestres anteriores e deixando antever uma queda nos lucros no último trimestre, algo que não se regista desde 2020. Por Lisboa, a época de resultados fecha com os números da Altri, sendo que a Greenvolt também divulga os dados do terceiro trimestre esta semana.

Outros eventos em foco:

  • BCE publica atas de reunião de outubro
  • Instituto Ifo publica índices de confiança e sentimento económico

Sexta-feira, 25 de novembro

Evento em destaque: Black Friday dá impulso ao consumo

Um ponto alto do consumismo nos EUA e, mais recentemente, na Europa e Ásia, a Black Friday foi uma desilusão no ano passado e, num contexto de inflação elevada, juros em alta e crise energética, este 25 de novembro será um teste ao consumo interno nas economias ocidentais. As expectativas dos retalhistas norte-americanos saíram reforçadas dos dados do retalho em outubro, mas o online tem sido um concorrente mais forte desde a pandemia.

Outros eventos em foco:

  • Alemanha confirma PIB do terceiro trimestre
Recomendadas

PremiumOCDE deixa quatro recados a Portugal, do PRR ao orçamento

A OCDE está menos otimista do que estava no verão quanto à evolução da economia portuguesa no próximo ano, tendo revisto em baixa a previsão de crescimento do PIB. Aproveitou também para alertar para a importância do PRR e da consolidação orçamental.

OE2022: Segurança Social regista excedente de 3.358 milhões de euros até outubro

A receita da Segurança Social aumentou em 9,1% e atingiu os 28.387,7 milhões de euros até outubro, enquanto a despesa caiu 0,5% para 25.030,1 milhões de euros, de acordo com a síntese divulgada hoje pela Direção-Geral do Orçamento (DGO).

PremiumBCE e Fed avaliam peso da subida de juros e ritmo pode abrandar nas próximas reuniões

As atas das mais recentes reuniões de política monetária na zona euro e EUA mostram uma preocupação de ambos os bancos centrais com o abrandamento da economia, dando esperanças de subidas menos expressivas dos juros nos próximos meses, embora os sinais neste sentido sejam mais fortes do outro lado do Atlântico.
Comentários