Topo da Agenda: o que não pode perder nos mercados e na economia esta semana

O simpósio de Davos irá juntar muitos dos decisores políticos e económicos do mundo com a invasão da Ucrânia como pano de fundo, numa semana com muitos dados macro da China, Reino Unido e nova reunião de política monetária no Japão.

Twitter/@Silvia_Amaro

Segunda-feira, 16 de janeiro

Evento em destaque: Começa simpósio anual de Davos

O evento do Fórum Económico Mundial volta a reunir-se durante a semana toda com um cenário global pouco animador, de inflação elevada, juros ascendentes, crescimento anémico e uma guerra no leste europeu que ameaça a segurança alimentar dos países com menor poder financeiro. Os presidentes do Banco Central Europeu (BCE) e Reserva Federal têm discursos marcados, bem como o secretário-geral da NATO e vários presidentes e primeiros-ministros, numa semana que deverá marcar a discussão política mundial.

Outros eventos em foco:

  • Reunião do Eurogrupo

Terça-feira, 17 de janeiro

Evento em destaque: Dados do crescimento na China no 4º trimestre

A economia chinesa tem-se visto em cada vez mais apuros, precipitando mesmo o governo local a abandonar grande parte das restrições pandémicas e reabrir o país, apesar do peso que a doença está já a criar nos cuidados de saúde. A Europa e os EUA rejubilaram com as notícias, sedentos de maior procura global para fazer face à quebra interna, mas uma crise imobiliária e a incerteza da pandemia tornam as perspetivas cinzentas.

Outros eventos em foco:

  • INE: Índices de Preços na Produção Industrial de dezembro
  • Audição do Tribunal de Contas na Comissão de Orçamento e Finanças
  • Reino Unido: Desemprego no 3º trimestre
  • Alemanha: Inflação em dezembro
  • Índice ZEW de confiança económica para Alemanha e zona euro
  • Canadá: Inflação em dezembro
  • Relatório mensal OPEP
  • Resultados: Goldman Sachs, JPMorgan Chase (EUA)

Quarta-feira, 18 de janeiro

Evento em destaque: Banco do Japão anuncia decisão de política monetária

Depois da decisão surpreendente de dezembro de deixar subir para 0,5%, o dobro dos anteriores 0,25%, o limite superior dos juros dos títulos a longo prazo nipónicos, o mercado está com a atenção virada para Tóquio, onde a política ultra-acomodatícia do Banco do Japão pode finalmente ser abandonada. O iene deve bater máximos de vários anos nesta aposta dos investidores e a decisão do regulador japonês deve mover os mercados globais a meio da semana.

Outros eventos em foco:

  • INE: Síntese Económica de Conjuntura de dezembro
  • Eurostat: Inflação de dezembro
  • Audição do CES – Conselho Económico e Social na Comissão de Orçamento e Finanças
  • Reino Unido: Inflação em dezembro
  • EUA: Preços na produção industrial em dezembro
  • Japão: Produção industrial em novembro
  • Resultados: Charles Schwab (EUA)

Quinta-feira, 19 de janeiro

Evento em destaque: Continua a época de resultados em Wall Street

Depois do arranque de parte da banca na sexta-feira passada, terça-feira verá os resultados da Goldman Sachs e JPMorgan antes de arrancarem as grandes cotadas tecnológicas. A Netflix é a primeira, na quinta-feira, quando reporta também a Procter&Gamble, mas o grosso dos grandes nomes de Wall Street começará a divulgar os números de 2022 na próxima semana, esperando-se já efeitos da quebra sentida na atividade de vários sectores no final do ano.

Outros eventos em foco:

  • INE: Taxas de Juro Implícitas no Crédito à Habitação em dezembro
  • BCE publica atas da reunião de dezembro

Sexta-feira, 20 de janeiro

Evento em destaque: Fecha semana de dados macro no Reino Unido

A semana fecha com os números do retalho em dezembro, quando nem a época festiva deve ter dado um grande impulso ao fraco último trimestre da economia britânica, mas está recheada de outros motivos de interesse para os mercados. Entre dados do desemprego, salários, inflação e preços de consumos intermédios na produção industrial, uma coisa é transversal: o otimismo não reina quando o assunto é o Reino Unido.

Outros eventos em foco:

  • EUA: Vendas de casas existentes em dezembro
Recomendadas

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta quarta-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta quarta-feira.

Salários reais aumentam na OCDE, mas continuam a cair em Portugal

Os rendimentos reais das famílias portuguesas encolheram mais de 3% no terceiro trimestre, enquanto na OCDE aumentaram pela primeira vez em mais de um ano.

Taxa de desemprego recua para mínimos de 2011

Taxa de desemprego fixou-se em 6% em 2022, acima dos 5,6% estimados pelo Governo.
Comentários