Topo da Agenda: o que não pode perder nos mercados e na economia esta sexta-feira

Moody’s atualiza ‘rating’ da dívida portuguesa. A tendência de subida é clara e mostra que a dívida portuguesa evoluiu bastante e de forma positiva desde a crise financeira de 2011, quando as avaliações dos títulos nacionais saltaram para a discussão pública pelo seu peso nas contas do país.

Reinhard Krause/Reuters

Evento em destaque: Moody’s atualiza rating da dívida portuguesa

A tendência de subida é clara e mostra que a dívida portuguesa evoluiu bastante e de forma positiva desde a crise financeira de 2011, quando as avaliações dos títulos nacionais saltaram para a discussão pública pelo seu peso nas contas do país. A expectativa é que a Moody’s acompanhe as suas homólogas, que colocam os títulos de dívida portuguesa como investimento de qualidade crescente, acompanhando também a melhoria nos rácios de contabilidade nacional, após vários anos de disciplina orçamental.

Outros eventos em foco:

  • BdP: Balança de pagamentos em setembro
  • BdP: Posição de investimento internacional em setembro
  • INE: Síntese Económica de Conjuntura de outubro
  • Reino Unido: Vendas a retalho em outubro
Recomendadas

EUA incluem Irão, grupo Wagner e talibãs na lista negra de liberdade religiosa

O Governo dos Estados Unidos anunciou hoje a sua ‘lista negra’ de países e organizações que atentam contra a liberdade religiosa, nela incluindo Cuba, China, Irão, Rússia, o grupo Wagner e os talibãs, entre outros.

Crise/Energia: Desconto no ISP reduz-se em dezembro com queda dos preços dos combustíveis

O Ministério das Finanças anunciou hoje que em dezembro há uma redução do desconto do ISP em 3,9 cêntimos por litro de gasóleo e em 2,4 cêntimos por litro de gasolina, tendo em conta a queda dos preços.

PremiumEmpresários pedem “velocidade” nos dossiers da economia e turismo

Confederações de empresários da indústria e de turismo agradecem aos secretários de Estado demissionários e esperam que os novos continuem o trabalho já realizado, concretizando planos anunciados.
Comentários