Toyota quer manter ritmo de vendas em níveis recorde e espera vender 10,77 milhões de automóveis em 2020

Para o ano de 2020, e com a confiança em alta, a fabricante japonesa prevê vender 10.77 milhões de automóveis, face aos 10.72 milhões de automóveis já vendidos em 2019.

A Toyota prevê alcançar vendas de 10,77 milhões de automóveis em 2020, o que representará um ligeiro aumento em comparação com o valor recorde registado em 2019, dá conta a agência Reuters esta terça-feira, apesar de a fabricante japonesa reconhecer que o mercado automóvel está a atravessar uma fase de alta competitividade.

Apesa de os desafios colocados às fabricantes automóveis, tendo em conta as alterações climáticas e a crescente tendência de produção de veículos elétricos – à qual a Toyota não é exceção -, a empresa automóvel do Japão espera que o seu ritmo de vendas se mantenha em níveis recorde, mesmo depois da procura na China, um dos seus mercados chave, ter diminuído.

No ano de 2019 a Toyota já vendeu 10.72 milhões de automóveis, um recorde para a marca.

Para ajudar a atingir esta meta, a Toyota espera que as suas marcas parceiras – Lexus, Daihatsu e as carrinhas Hino, consigam lançar a fabricante para a meta estabelecida, ou até para a sua superação.

De acordo com a Reuters, a fabricante alemã Volkswagen continua a ser a que mais automóveis vende, contabilizando já 10.83 milhões de carros vendidos este ano.

Recomendadas

EDP procura startups mais inovadoras na área da energia

Elétrica lança a 7ª edição do Free Electrons em busca de startups inovadoras. Candidaturas decorrem até 28 de janeiro.

Mitos que bloqueiam progressão feminina e dificultam diversidade de género nas empresas

Relatório da Mazars e Gender Balance Observatory desmistifica mitos em contexto laboral, entre os quais a falta de ambição e a aversão ao risco entre as mulheres, a questão da maternidade ou das quotas e a meritocracia.

Mercado automóvel cresce 1,8% entre janeiro e novembro, mas muito longe dos números pré-pandemia

Dados da ACAP revelam que em termos globais, o mercado automóvel regista um crescimento de 1,8% entre janeiro a novembro de 2022, face a igual período do ano anterior. De referir que 11,1% dos veículos ligeiros de passageiros novos são elétricos (BEV).
Comentários