Trabalhadores dos CTT fazem greve nos dias 21 e 22

Os trabalhadores dos CTT vão estar em greve antes do Natal, nos dias 21 e 22, pela reversão da privatização da empresa e por melhores condições de trabalho, foi hoje anunciado por um dos sindicatos que convocaram o protesto.

Rafael Marchante/Reuters

De acordo com uma nota de imprensa do Sindicato Democrático dos Trabalhadores dos Correios, Telecomunicações, Media e Serviços (SINDETELCO), filiado na UGT, foi entregue no dia 5 de dezembro um pré-aviso de greve para os dias 21 e 22 de dezembro “pela Reversão da Privatização dos CTT, pela Defesa dos Postos de Trabalho, Por Melhores Condições de Trabalho”.

O cumprimento do Acordo de Empresa (AE) e um sistema de avaliação justo e transparente são outras das reivindicações que estão na origem do conflito laboral.

O Sindicatos dos Trabalhadores dos Correios e Telecomunicações, filiado na CGTP, também marcou greve para os dois últimos dias úteis antes do Natal pelos mesmos motivos.

Recomendadas

Lagarde avisa que taxas de juro vão continuar a subir

Dados da inflação na zona euro em novembro vão ser conhecidos esta semana. BCE reúne-se em meados de dezembro.

Cáritas já recebe pedidos de quem não consegue pagar empréstimo da casa

“O pânico foi imediato. O receio das pessoas, a angústia com que se aproximavam de nós a dizer ‘ai, se eu perco a minha casa’. É que nós tivemos uma crise em que houve muita gente a perder a casa; é recente ainda, está na memória das pessoas – 2008”, afirmou Rita Valadas.

Expectativas de exportação na Alemanha aumentam em novembro, diz Ifo

Depois de uma queda no mês anterior, a indústria automóvel volta a ter expectativa de crescimento nas exportações.
Comentários