Transtejo e Soflusa suspendem ligações fluviais no Tejo

“Face ao agravamento das condições atmosféricas, neste momento, por motivos de segurança, estão suspensas todas as ligações fluviais da Transtejo e Soflusa, com exceção de Cacilhas”, adiantou fonte da empresa à agência Lusa.

Transtejo

As ligações fluviais entre a Península de Setúbal e Lisboa estão hoje à tarde suspensas devido ao “agravamento das condições atmosféricas”, anunciou a Transtejo/Soflusa.

“Face ao agravamento das condições atmosféricas, neste momento, por motivos de segurança, estão suspensas todas as ligações fluviais da Transtejo e Soflusa, com exceção de Cacilhas”, adiantou fonte da empresa à agência Lusa.

Segundo a Transtejo/Soflusa, o transporte fluvial apenas será retomado quando “se verificar uma melhoria das condições atmosféricas que permitam retomar a operação em segurança”.

“De momento, não é possível prever a retoma do serviço”, lê-se ainda na página da internet da empresa.

A Transtejo assegura as ligações fluviais entre o Seixal, Montijo, Cacilhas e Trafaria/Porto Brandão a Lisboa, enquanto a Soflusa garante a travessia entre o Barreiro e o Terreiro do Paço (Lisboa).

Recomendadas

Emissão obrigacionista da Sonangol é “bem vinda” para a bolsa angolana

Segundo o responsável do Departamento de Desenvolvimento de Mercado da Bodiva, Nivaldo Matias, a iniciativa da Sonangol ainda não foi dada a conhecer formalmente à instituição, contudo, a decisão da petrolífera é “bem-vinda”.

Novabase suspende programa de recompra de ações

A tecnológica já tinha suspendido o programa em junho, tendo depois voltado a retomá-lo. Segundo informação publicada nessa altura, o programa estava previsto durar até 31 de dezembro de 2023.

Trabalhadores da Autoeuropa rejeitam pré-acordo laboral que previa aumento de 5,2%

Dos mais de cinco mil trabalhadores da fábrica de automóveis da Volkswagen, em Palmela, no distrito de Setúbal, só 3.865 exercerem o direito de voto, 2.007 dos quais votaram contra o pré-acordo e 1.826 a favor. Houve ainda 10 votos nulos e 22 brancos.
Comentários