Tribunal de Contas está a realizar auditoria ao IVAucher

A juíza conselheira considerou que “mais do que uma questão de transparência é uma questão de qualidade de execução”, acrescentando que “os valores muitas vezes são orçamentados. A qualidade da execução é que fica muitas vezes aquém. Essa questão estrutural merece muito trabalho”.

IVaucher

O Tribunal de Contas está a realizar uma auditoria ao programa IVAucher, anunciou, esta segunda-feira, a juíza Ana Leal Furtado, assinalando o “desvio” muito grande entre o valor orçamentado e executado.

“Dou conhecimento que estamos neste momento a realizar uma auditoria ao IVAucher. Por exemplo, aí também o desvio [entre o valor orçamentado e executado] é muito grande. Desde os 200 milhões de euros orçamentados foram executados 38 milhões de euros”, disse Ana Leal Furtado, numa audição na Comissão de Orçamento e Finanças, no parlamento, no âmbito da apreciação da proposta do Orçamento do Estado para 2022 (OE2022).

Ana Leal Furtado, que foi ouvida conjuntamente com o presidente do TdC, José Tavares, respondia a uma questão do deputado social-democrata Hugo Carneiro sobre os valores orçamentados em várias rubricas, a execução orçamental e os desvios detetados.

A juíza conselheira considerou que “mais do que uma questão de transparência é uma questão de qualidade de execução”.

“Os valores muitas vezes são orçamentados. A qualidade da execução é que fica muitas vezes aquém. Essa questão estrutural merece muito trabalho”, acrescentou.

Relacionadas

Novo Banco: Tribunal de Contas entrega auditoria sobre gestão até início de junho

O responsável do TdC recordou que na anterior legislatura a Assembleia da República solicitou à instituição uma auditoria sobre o Novo Banco, entregue em maio, garantindo que a nova auditoria será remetida em breve.
Recomendadas

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta terça-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta terça-feira.

Medina com “confiança reforçada” na eleição de Leão para o MEE

O ministro das Finanças, Fernando Medina, disse hoje ter uma “confiança reforçada” nas possibilidades de o seu antecessor, João Leão, ganhar a ‘corrida’ à liderança do Mecanismo Europeu de Estabilidade (MEE), após a “votação pré-indicativa” no Eurogrupo.

Tribunal de Contas destaca atrasos na implementação de medidas para sustentabilidade financeira do SNS

No relatório de acompanhamento da auditoria às contas do SNS e do Ministério da Saúde, o TdC lembra os atrasos em várias medidas que tem vindo a sugerir desde 2015, sublinhando o seu impacto negativo nas finanças nacionais.
Comentários